É ler para crer!

Leituras perniciosas

TÓPICOS DE ENSINAMENTOS – 2013

1 – LEITURAS PERNICIOSAS

É sabido que nos dias atuais existem livros de caráter perverso os quais despertam em seus leitores a prática imoral. Há no mundo uma forte tendência para a leitura desses livros cuja prática estende-se não somente à mocidade como também aos demais adultos. Exortamos a cara irmandade a que se abstenham dessas leituras que são perniciosas as quais corrompem os bons costumes alcançados pela sã doutrina da Palavra de Deus.

Será que é a isto que estão se referindo?

50 tons

Anúncios

Comentários em: "Leituras perniciosas" (149)

  1. Não tive acesso ainda aos tópicos deste ano.

    Vai ver que é né? (risos)

  2. Deve ser referência à trilogia rss

    E agora tem o sex shop gospel:

    http://www.noticiascristas.com/2013/04/sex-shops-para-evangelicos-chegam-ao.html#axzz2Rx9ASOaZ

    E, contra tais fetiches, haja mais religião do medo e da punição! ai, ai…

    • Ué? Porque será que eu acho que estão falando da gente? (rs)

      • Raphie,

        Entre os ensinamentos de uma Reunião da Mocidade recente foi lido uma carta que o ancião fez, dizendo que o diabo iria utilizar da Rede de Energia Elétrica para chegar as casas dos crentes, através da TV e depois pela internet.

        Também foi mencionada na mesma carta que havia sites na internet que seriam impossíveis de rastrear suas origens, mostrando que foram criados e publicados diretamente do inferno.

        Será que este tópico era pra barrar esses conselhos desta carta?

        Tô com medo agora… Não gostava de dormir de luz apagada, mas agora até acesa tenho medo, pois o diabo tá usando até a rede elétrica!

        E tome cuidado pra não colocar o dedo na tomada, porque senão você vai sentir o próprio tinhoso. Ele vai fazer você tremer um bocado.

        • Raphie disse:

          Realmente irmão HP, a coisa tá braba… Semana que vem aqui quero ver como vai ser a RGE, estão vindo dois ‘cavalos’ do ‘jogo de xadrez’ do Brás, e eu cada vez mais sem paciência com tudo o que é nos empurrado… Quanto à carta do ancião, meu Deus, quanta invencionice fundamentalista não? Por essas e outras não tenho mais o costume de ir à RM…
          Eu fico cada vez mais triste com o que vejo dentro da CCB, são coisas que não consigo aceitar…
          O interessante é que o povo não está nem aí, estou com depressão há um bom tempo e ninguém da irmandade e ministério sequer ligaram pra saber se estou bem (e olha que sou da administração)!
          Se não fossem os blogs que descobri (Bereiano, Doutrina Cristã, Jovem CCB,Bora Ler e o seu tb) estaria me sentindo muito mais sufocado e angustiado. É bom ver que tem gente que não é ‘bitolada’ e que partilha das mesmas idéias que eu também.

  3. O problema dos Fariseus do século XXI é complicar o que Cristo simplificou. Daí eles se perdem todos. Colocam os ensinamentos de Paulo na frente dos de Jesus, voltam na Lei buscando argumentos, fantasiam…

    É uma pena, mas os corações se empedraram, a Bíblia virou LEI e nao conseguem mais enxergar Jesus.

    Daí quando apresentamos passagens como a Mulher Adúltera perdoada ou a Samaritana amasiada com o seu sexto homem, que Cristo a fez Evangelista, os fariseus do século XXI não entendem, dão respostas absurdas, e se viram contra nós bufando de ira, igualzinhos os fariseus na época de Jesus e dos apóstolos faziam.

    Eu poderia me calar, nao abrir mais a minha boca, mas nao consigo. É muito triste ver pessoas enganadas por doutrinas religiosas que nada tem a ver com Cristo.

    Por isso eu falo, NAO QUERO COMPETIR com eles, de maneira nenhuma. Apenas queria que eles sentissem a liberdade que eu sinto em Cristo, aonde Romanos 8:31-39 me diz: NADA me separa do Amor de Deus que está em Cristo! NADA! Por isso, sou mais do que vencedor!

    Mas se querem continuar com um jugo de Lei em cima das costas, só não deveriam colocar em cima dos outros também.

    Mas daí é pedir demais.

    • Cristão Ortodoxo disse:

      “…..Colocam os ensinamentos de Paulo na frente dos de Jesus, voltam na Lei buscando argumentos, fantasiam…”

      Irmão HP quanta contradição né! Parece que o apostolo Paulo era um tremendo fanfarrão. Paulo pregou uma religião, Jesus Cristo outra. Pensamento totalmente judaizante, me parece um Ebionita praticante.

      Deus abençoe.

      • Irmao Ortodoxo.

        Paulo se fazia de judeu para ganhar os judeus, de grego para ganhar os gregos.

        Ele queria que o evangelho chegasse a todos. Apenas isso.

        Agora, faço minhas as palavras de CF: É insuportável ver seres humanos sendo jogados fora do lugar de culto por causa de comida, bebida, cigarro, roupa, sexualidade, ou catástrofes de existência. Isto enquanto se alimenta o povo com maldade, inveja, mentira, politicagem, facções, e maldições. Insuportável é coar o mosquito e engolir o camelo!

        Jogamos fora o pecado com o pecador. Cristo restaurava o pecador e o limpava do pecado.

        Abracos.

        • Cristão Ortodoxo disse:

          Jesus Cristo realmente restaura o pecador, mas não conforma com o pecado. Quem já foi remido no sangue do cordeiro, tem que rejeitar as concupiscências da carne. Se não Jesus Cristo morreu debalde. Ou será mais quantas vezes que Jesus tem de ser crucificado para pagar nossos pecados diários?. Essa teoria de jogar fora do lugar do culto, alimentar o povo com maldade, inveja, mentira……. São críticas sem fundamentos.

          Deus abençoe.

          • Amado,

            Você disse que Cristo “não conforma com o pecado”. Em algum momento eu disse ao contrário, que Cristo aceita o pecado?

            Cristo foi crucificado e pagou TODA a dívida de pecado que cometi, cometo e cometerei. Se você dizer que ainda não peca, perdoe-me, mas a Bíblia denuncia que quem assim diz mente: 1 João 1:8

            Quanto a “teoria” que você diz ser “crítica sem fundamento”, olhe ao teu redor dentro da comum aonde frequenta. Veja se não há irmãos nestas condições. Ah, talvez estes que estão nestas condições, você não os considere como “irmãos”, mas como “desviados”.

            “O Senhor não retarda a sua promessa, ainda que alguns a têm por tardia; mas é longânimo para conosco, não querendo que alguns se percam, senão que todos venham a arrepender-se.” 2 Pedro 3:9

            Grande abraço e que Deus te abençoe.

        • Cristão Ortodoxo disse:

          Amado HP, quando mencionei “….. mas não conforma com o pecado.” procurei dizer, VIVER EM PECADO. Porque pelas postagens do irmão, entendi que temos que concordar com o “viver em pecado” em nosso meio, pois Cristo já pagou nossas dívidas. O fato de admoestar/reprender o que vive em pecado, coaduna com as escrituras sagradas e a tradição cristã primitiva. Veja as escrituras:

          Geralmente se ouve que há entre vós fornicação, e fornicação tal, que nem ainda entre os gentios se nomeia, como é haver quem abuse da mulher de seu pai.
          1 Coríntios 5:1
          Eu, na verdade, ainda que ausente no corpo, mas presente no espírito, já determinei, como se estivesse presente, que o que tal ato praticou
          1 Coríntios 5:3
          Seja entregue a Satanás para destruição da carne, para que o espírito seja salvo no dia do Senhor Jesus.
          1 Coríntios 5:5
          Aos que vivem no pecado, repreende-os na presença de todos, para que também os outros tenham temor. 1 Timóteo 5:20.

          Veja a tradição cristã no Séc I e II.

          Aqueles que caíram em pecado depois do batismo são os que estão sujeitos à disciplina. Porque as obras feitas antes do batismo são remetidas (no batismo). No entanto, aquelas cometidas depois do batismo são purgadas (pela disciplina). Clemente de Alexandria (195 d.C.)

          Se um deve ser censurado é necessário também ser repreendido. Porque é tempo de ferir ao alma apática. Não mortalmente, senão saudavelmente, assegurando livrá-la da morte eterna por meio de uma pequena dor. Clemente de Alexandria (195 d.C.)

          Se algum delinquiu em pecado atroz ou enorme, é desterrado da oração, da igreja e do trato daquela santa companhia. Este castigo é tão horrível que parece um ensaio do Juízo final, em que Cristo apartará longe de si aos condenados. Tertuliano (197 d.C.)

          Deus vos abençoe.

          • De maneira nenhuma expus que devemos andar no pecado.

            Acontece, meu amado, que em mim se cumpre Romanos 7:18-24:
            “Porque eu sei que em mim, isto é, na minha carne, não habita bem algum; (…) não consigo realizar o bem.
            Porque não faço o bem que quero, mas o mal que não quero esse faço.
            Ora, se eu faço o que não quero, já o não faço eu, mas o pecado que habita em mim.
            Acho então esta lei em mim, que, quando quero fazer o bem, o mal está comigo.
            Porque, segundo o homem interior, tenho prazer na lei de Deus;
            Mas vejo nos meus membros outra lei, que batalha contra a lei do meu entendimento, e me prende debaixo da lei do pecado que está nos meus membros.
            Miserável homem que eu sou! quem me livrará do corpo desta morte?
            Romanos 7:18-24

            Agora se há neste blog leitores que não estão em pecado, deixaram de ser miseráveis! Se deixaram de ser miseráveis, são dignos de honra superior daquela dada constantemente (pelos mesmos) à Paulo, apóstolo do Senhor Jesus!

            Eu apenas confesso que não consegui esta estatura. Me considero Miserável, pois sei que em mim habita o pecado e a morte. Por isso necessito que CRISTO tenha misericórdia de mim!

            Abraços!

          • Em tempo, sabe porque não há entendimento entre nós?

            Porque não concordamos quanto a que é pecado.

            Se corrermos à Bíblia e entendermos que todos que cometem os pecados abaixo ficarão de fora, entenderemos que ninguém escapa do inferno por forças próprias:

            tímidos, e aos incrédulos, e aos abomináveis, e aos homicidas, e aos fornicadores, e aos feiticeiros, e aos idólatras e a todos os mentirosos,
            cães e os feiticeiros, e os que se prostituem, e os homicidas, e os idólatras, e qualquer que ama e comete a mentira, adultério, prostituição, impureza, lascívia, Idolatria, feitiçaria, inimizades, porfias, emulações, iras, pelejas, dissensões, heresias, Invejas, homicídios, bebedices, glutonarias, e coisas semelhantes a estas que os que cometem tais coisas não herdarão o reino de Deus.

            (Apocalipse 21:8, Apocalipse 22:15, Gálatas 5:19-21)

            Então, irmão Ortodoxo, irmão João1, irmão Eleotério, irmão Clausai entre outros, dá pra cumprir a listinha acima, pra ganhar galardão ou salvação (como vocês dizem)?

            Eu prefiro ficar com a fé no sacrifício de Cristo, que “Veio, porém, a lei para que a ofensa abundasse; mas, onde o pecado abundou, superabundou a graça; ”
            Romanos 5:20

          • ah, lembremos todos!

            Porque qualquer que guardar toda a lei, e tropeçar em um só ponto, tornou-se culpado de todos.
            Tiago 2:10

          • Cristão Ortodoxo disse:

            Irmão HP, vc falou!falou! mas não justificou. Infelizmente o irmão não argumenta em cima dos textos postados, apenas sai postando trechos bíblicos fora do contexto histórico, sem ater-se a uma linha de pensamento. Quem procura cumprir esta listinha mencionada não estar guardando a lei, mas sim exercitando o bem e o amor ao próximo, que é o resultado da Graça no operada no cristão.

            Deus abençoe.

          • O meu querido,

            Perdoe minha falta de qualidade argumentativa. Sou ruim disso mesmo.

            Mas então, cumpra tudinho tá? Não esqueça nenhum ponto, pois senão será réu de todos eles.

            E o sacrifício de Cristo continua não valendo pra nada…

            Abraços!

          • Irmão HP, o irmão está certo, não dá para cumprir essa lista. Porém são deveres que Jesus Cristo cumpriu, e se Ele cumpriu, tenho a obrigação de tentar cumprir. O que me faltar Cristo suprirá, pois Deus ama o servo voluntarioso, e resiste o negligente. Nós temos liberdade com relação a lei, mas o amor a Deus nos contrange a aborrecer o pecado.

          • Sim Joao,

            O amor que Deus nos amou foi tao grande que, quando entendemos que nao merecemos, ficamos constrangidos em servir ao Senhor. Isso é algo que ocorre a nível pessoal.

            Por isso de maneira nenhuma coaduno com a idéia de apontar o cisco nos olhos dos meus irmaos, pois sei que só Cristo pode fazer eu entender o tamanho da TRAVE que tenho diante dos meus olhos. E somente Cristo também para tirá-la de mim!

            Assim, procuro amar os meus irmaos e de maneira nenhuma colocar fardos nas costas deles ou tentar arrancar o cisco que eles tem nos olhos deles.

            O que me basta é a graça de Cristo na minha vida. Cristo teve misericórdia de mim, glórias unicamente a ELE!

            Abraços e que Cristo te ilumine cada dia mais na graça ofertada por Ele na Cruz!

      • Então, HP…

        Está ficando repetitiva e enfadonha essa técnica de catar uma frase solta na intenção de pegar outra pessoa em contradição e constrangê-la.

        Bem típico, como já falei de outras vezes…

        E se fosse apenas repetitivo e enfadonho, vá lá. Até aí ‘tudo bem’, cada um que administre seu grau de paciência na hora que for ler os comentários. O problema é que, justamente pela repetição, já deu pra perceber até demais que a colocação é tendenciosa e maliciosa.

        Geralmente quem lança mão desse artifício não tem o que dizer do texto em geral – por este ser irrepreensível – então procura algo que possa comprometer seu autor e/ou – mais grave ainda! – algo para distrair a atenção do que se está dizendo ainda com a finalidade de denegrir a imagem da pessoa em questão. Duas leviandades terríveis num pacote só! (Por que será que isso me faz lembrar dos fariseus na cola de Jesus pra pegá-lo em contradição e desmerecê-lo?! E até já houve quem dissesse aqui que isso era tática de simpatizante. Affff imagine se fosse perseguindo… E não era?!!!)

        Lamentavelmente, algumas pessoas não sabem discutir ideias sem conseguir levar para o lado pessoal, tendo sempre que dar um toque malicioso de achismo sobre o estilo pessoal do outro, quando não acusa, aponta, rotula e traça o perfil do outro precipitadamente e sem nenhuma reserva. Alguns chegam ao cúmulo de denegrir, descaradamente, a imagem do pai e da mãe do comentarista, esquecendo-se que quando se julga, imediatamente está se expondo ao julgamento também.

        Saiba:

        Entendo perfeitamente sua colocação em não generalizar as ‘ordens’ de Paulo em detrimento do Evangelho. Por outro lado, não me surpreendo com os que se escandalizam com certas referências a “São” Paulo. Afinal, não é de hoje que se percebe essa confusão onde as cartas de Paulo – endereçadas especificamente e muitas vezes como disciplinadoras – são transformadas em pontos doutrinários ‘em nome de Jesus’.

        Observe a ‘técnica’ das palavras de efeito para tirar o foco. (“Normal” rss)

        Agora você é um ebionista. ¬¬

        Como pode isso?! Você é um ebionista porque citou Paulo? E por acaso Paulo não é um homem igualzinho aos outros? Ninguém melhor do que ele mesmo para dizer que é falho como qualquer mortal. Sendo réu confesso em suas cartas. Demonstrando humildemente ser passível de erro como qualquer outro ser humano na face da terra.

        Ora, convenhamos: é urgente descer do pedestal religioso e ter um mínimo de humildade, coerência e senso de justiça.

        Quem está completamente livre de denominacionismo e lê o que você posta, entende perfeitamente, sem a menor dificuldade, qual é a sua única linha de pensamento, qual é a sua única mensagem. Isso fica claro imediatamente! Mensagem essa, completamente de acordo com a genuína e pura proposta do Evangelho da Graça. Mensagem, inclusive, carregada de amor e zelo com uma pitada de perplexidade e tristeza diante de tanta rigidez pois afinal sempre aparece um defensor ferrenho do legalismo para distorcer sua fala.

        A ironia, a contradição e o gritante paradoxo é o ódio que denuncia o coração opressor de algumas pessoas que se manifestam contra quem fala ‘diferente’ delas.

        E o mais alarmante, é que você está falando de vida, de plenitude de vida, de vida em abundância, de ser livre, leve e feliz entregando o peso da bagagem a Quem se confia de verdade. Mas, infelizmente quem só enxerga a dureza da lei não consegue atinar para algo tão simples.

        Eu sei que isso te entristece, meu irmãozinho. Porque se não fossem pessoas falando ‘em nome de Jesus’ talvez você não perdesse suas energias, passasse longe daqui e não se importasse tanto…

        É como falei há poucos dias no blog de outro amigo sobre um texto cujo título é “O conceito Jesus’.

        Esse Conceito que precisa ser implantado urgentemente nos corações, mas principalmente no coração do que bate no peito dizendo ‘Templo do Senhor é este’, e não se referindo ao próprio ser como deveria, mas à estrutura religiosa à qual ele passou a PERTENCER, posto que passou a ser o seu objeto de adoração, a ‘Virgem Maria Igreja’- como diria um pregador amigo meu. Achando que tem o aval de Jesus para saírem falando coisas absurdas e batendo no peito dizendo orgulhosamente: graças dou por não ser como ‘os outros’.

        Triste, vergonhoso e lamentável.

        Ah, ia me esquecendo…
        Pelo que sei, ebionista segue a Torá, os cinco primeiros livros da bíblia. Ou não?.
        O ebionista moderno seria então quem segue leis, regrinhas, cartilhas religiosas e determinações convenientes extraídas das epístolas como medidas de salvação. Como se Jesus não tivesse anulado tudo isso na Cruz.

        Analisando direitinho, pelas leituras que se faz por aqui, tem ebionista sim entre os comentaristas, mas, definitivamente, você não é um deles.

        Aguardemos os próximos rótulos…

        Na paz que excede todo o entendimento mas não exclui tristeza e perplexidade,
        R.

        • Cristão Ortodoxo disse:

          Irmã Regina, se vc sentiu que fui duro no meu comentário, peço que me perdoe. Mas peço que façam comentários sobre minhas postagens para não desviarmos do foco principal que o debate de ideias. Quando citei o termo “Ebionitas” me referi ao seguinte trecho do comentário do irmão HP: “…..Colocam os ensinamentos de Paulo na frente dos de Jesus…”. Este trecho coaduna com o pensamento dos cristãos ebionitas, pois eles não aceitavam as epístolas do apostolo Paulo devido o vasta argumentação negativa quanta a prática da lei mosaica. Fazendo uma análise mais aprofundada nas postagem feitas pela irmã, irmão HP e outros, entendi o ponto de vista de vocês, que por sinal, procuram um equilíbrio entre o cristianismo bíblico e o gnosticismo cristão. Se caso descordarem de minha análise, peço que façam um estudo sobre o gnosticismo cristão que verão que algumas crenças destes grupos coadunam com o ponto de vista de Vcs.

          Deus vos abençoe.

        • Amiga Regina, a senhora escreve tão bonito que chega a condenar a si mesma. Reveja os seus comentários sobre os ensinamentos 2013 da CCB, especialmente os que falam sobre internet ou, se não estiver satisfeita, reveja outros comentários em que nos xinga de fariseus e outros adjetivos toscos, sem contar os deboches. Descupe, sem querer ofender, mas esses discursos de liberdade e amor fingido não me enganam.

          Ps.: Perdoe-me, não estou com raiva, falo isso para o teu bem, e para o bem dos que nos assitem.

          Deus a abençoe.

          • Cristão ortodoxo:
            Se fosse para orientar estudo eu daria essa dica a quem carrega um pseudônimo que, em si, já é contraditório. O termo ‘cristão’ remete a alguém se parecer com Cristo, andar como Cristo, pois assim foram chamados (rotulados) os que O seguiam. E ‘ortodoxo’ defende com unhas e dentes leis e regras, enquanto Jesus – pelo Seu imenso Amor – foi o primeiro a quebrar regras rigorosas da lei mosaica.

            João1:
            É como eu disse acima: quando se fala de comportamento, quem generaliza vem e julga. Aí – em consequência – quem julga está exposto a julgamento. Não posso fazer nada se você pegou a parte que lhe cabe e a usou a seu bel prazer.

            Infelizmente a defesa denominacional que se vê, é tão ferrenha que não se percebe que o comentário original é sempre sobre os males que causam a opressão religiosa, e não particularmente de determinada denominação. Se a pessoa se dói, porque acredita piamente que ela é imaculada, leva para o lado pessoal e aí começam os achismos pessoais. Veja bem a sequência dos comentários.

            Porque eu não uso clichês religiosos de falsa piedade, não significa que o que eu falo não seja em amor. Não me diga que você também acredita nessa conspiração neurótica de que se quer ‘acabar’ com essa ou aquela instituição.Um puxão de orelha (como já disse aqui outro anônimo), é muito mais atitude de amor do que clichês religiosos de falsa piedade. E eu não estou preocupada em minha reputação pra esperar que você ou qualquer outra pessoa pense que eu quero reconhecimento do que falo. Deus conhece meu coração, ele o esquadrinha e conhece cada intençãozinha dele lá no mais recôndito do seu espaço.

            E, saiba, você está equivocado mais uma vez a meu respeito, quando imagina que eu faço discurso de liberdade. Não, meu amigo. Eu simplesmente a vivo. O que digo é reflexo de uma vida autêntica. E, saiba que, com a ajuda de Deus, vou sempre comentar aqui e onde me for cabível, sobre tudo que tira esse maravilhoso direito natural concedido pelo próprio Jesus e que a religião tem o desplante de tirar. É Nele que sou livre.

            Não há o que perdoar porque você não está me ofendendo de jeito nenhum, pode ter certeza. Mas não se preocupe quanto ao ‘meu bem’ pois que Jesus o tem realizado em mim na sua plenitude. E isso, meu amigo, nenhuma denominação é capaz de fazê-lo. Isso é experiência pessoal e intransferível! E é um suprimento pra todo o sempre que não nos faz melhores que ninguém mas nos faz confiantes de que Nele estamos seguros. Simplesmente assim. Como falou um dia um pregador da Palavra, é uma vertigem que poucos entendem, aceitam e ‘topam’, posto que não se vê e não se pega e só se SABE. E que os religiosos acostumados com o contrário, resistem em enxergar pois não querem deixar suas seguranças visíveis e aplaudidas pelos seus conservos. Seguranças tão exaltadas aqui repetidas vezes e que denuncia assustadoramente onde, de fato, está a verdadeira adoração.

            Por fim, como disse você em ocasião bem recente, temos pontos de vista diferentes e o que tínhamos a falar – ‘pessoalmente’ – já foi dito.

        • Ah, João, faltou um detalhe importante que não poderia passar despercebido, já que se trata de análise pessoal.

          Você usou a expressão ‘condenação’ dizendo que eu já me condeno a mim mesma, mas na verdade, você está apenas expondo mais uma vez seu ‘ponto de vista’ sobre esse evangelho da condenação que você tanto prega talvez sem nem notar, posto que é algo que já vem embutido na carga que lhe foi colocada nos ombros. Reveja todos os seus escritos aqui neste blog e conte quantas vezes você cita ‘condenação’ e termos afins.

          E, de fato, meu senso de humor é uma marca bem pessoal, mas vamos ter o cuidado de diferenciar deboche de fina ironia. Deboche, jamais! Ironia, sim, sempre que couber. inclusive, a ironia foi um artifício que Jesus usou quando de sua perplexidade com os engessados religiosos. Ou seja, usou bastante!

          • Cristão Ortodoxo disse:

            Amém irmã Regina. Mas lembre-se que o alicerce do cristianismo é o “AMOR”, e esse nos remete a cumprir regras Cristãs para ser validado. Quem ama seu próximo, não comete adultério; não rouba; não mata; não prega a mentira; não concorda com heresias, antes admoesta-o para que sejam sarados etc….. Estas advertências (regras implícitas) compõem a ortodoxia cristã. E, eu particularmente sou cristão, e acredito que estou dialogando com cristãos neste blog, SENÃO, continuarei falando sempre as mesmas coisas, para que os que ainda não são da mesma fé venha a ser persuadido de que JESUS CRISTO, é o caminho a verdade e a vida.

            Deus abençoe.

          • É isso mesmo irmão Ortodoxo!

            Foi sobre isso que tanto falei até agora. O amor gera tudo isso. O amor realmente nos aproxima de Cristo, nos faz mais parecido com Ele.

            O amor é a cerne, o centro, a razão do Cristianismo. Quem entende isso, compreende o que Cristo fez por nós na cruz e só quer ser revestido de Amor e unicamente de amor.

            Grande abraço!

          • Então, estamos quase lá 🙂
            Só tem um ‘pequeno’ detalhe: o Amor que cumpre regras é o mesmo Amor que quebra regras. Cumpre regras que não são sistematizadas em um pacote de obrigações religiosas, mas pelo AMOR que é realizado em nosso ser e que nos faz sair do nosso próprio umbigo para enxergar o do outro. O mesmo amor que quebra regras pelas mesmas razões. E que não tem nada a ver com ‘caridade’, ‘compaixão’, ‘piedade’, no sentido banalizado da coisa. Tem a ver com ética, respeito, solidariedade, enfim, relação prática e SADIA em todos os aspectos.

            Quanto ao gnosticismo que vc sugeriu ‘estudar’ fiz uma consulta básica conforme as ferramentas ao meu alcance e não consegui me encaixar em nenhuma das alternativas que compõem as características de um gnóstico:

            Vasto uso das representações mitológicas (…) simbologia dos números (…) esoterismo (elitismo, revelação, segredo reservado aos iniciados); (…)
            Atitude anticósmica e anticarnal: o mundo visível é mau porque é fruto de uma decadência, logo o homem está aprisionado em um corpo incapaz de se salvar, o que acarreta em uma interpretação doceta de cristologia: a humanidade de Cristo é só aparência e, portanto, não sofreria na crucificação;
            Atitude anti-histórica: o homem é prisioneiro do tempo e deve se libertar dele; atitude antinômica ou dualista em que o mundo é uma mistura de duas naturezas contrárias e inconciliáveis; (…)
            Extraído daqui: http://pt.wikipedia.org/wiki/Gnosticismo_cristao

            Devo dizer que essas são as impressões mais equivocadas que já vi alguém ter a meu respeito. Como assim, procuramos um equilíbrio entre o cristianismo bíblico e o gnosticismo cristão?! Na verdade, fazemos exatamente o contrário! Trazemos sempre para O Foco! O Único Equilíbrio! Esse Equilíbrio Atemporal que está acima de todo o nome! Esse ‘Fiel da balança’ entre as regras do Seu Amor a serem cumpridas e as regras do mesmíssimo Amor a serem quebradas no caminho a se percorrer.

            É assim que expresso meu entendimento acerca de Jesus e como vejo alguns aqui se expressarem também e, que justamente por isso, com os quais me identifico.

            Falamos de vida prática, de fatos reais dentro do contexto histórico para que se desfaça justamente essa confusão instalada nas mentes que insistem em seguir uma cartilha salvífica. Falamos sim, de acontecimentos históricos, da vida missionária de Jesus, de sua ‘paixão’ e da sua ressurreição. Ou seja: do Jesus histórico, sim, MAS acima de tudo, dO que nos foi revelado, dOVerbo que se fez carne, o Cordeiro de Deus que também foi imolado antes de haver História; ou, como afirmam as Escrituras, antes dos tempos eternos, ou antes da fundação do mundo; ou, como diz Miqueias: “desde os dias da eternidade”. Parafraseando o apóstolo ‘antes a nós oculto esse Mistério’. Ele nos é revelado como Senhor, Salvador, Redentor e o Deus de toda Criação. Ainda que a religião o aprisione a um simples fato histórico em que Ele se deu a conhecer na linearidade do tempo e do espaço. Essa religiosidade arraigada que vemos nas denominações religiosas onde os mitos ‘passeiam’ no inconsciente coletivo por meio dos acréscimos, das superstições religiosas, enfim das histórias inventadas que são transformadas em um pacote de crenças.

            Esse pacote de crenças, sim, é gnosticismo. Que, de fato, NADA diz acerca da Nova e Eterna Aliança que reconcilia o homem com Deus, consigo mesmo e com o seu semelhante.

            É desse Amor que falo e jamais do ‘amor’ recheado de vícios religiosos…

            E eu não me ofendi em nada. Até porque você não me faltou com o respeito. Só precisamos ter o cuidado ( eu, principalmente) para não nos deixarmos levar pelas emoções negativas que desencadeiam em antipatias gratuitas.

  4. Márcio José Sérgio Ermida disse:

    Irmãos,

    Queria entender a que se refere “leituras perniciosas” exatamente. Será a Teologia ou a Bíblia de Estudo que levo no culto? rsrs Ou será a leitura secular do Harry Potter ou Senhor dos Anéis? Se deixassem ler pelo menos alguma coisa do C. S. Lewis seria bom…

    Deus abençoe.

  5. Claudio disse:

    Uma regra provavelmente criada por um invejoso que não sabe ler.

    Não falo daqueles simples sem acesso às coisas, mas dos tipos que quando estávamos ralando na escola eles ficavam na rua empinando pipa, hoje não sabem ler, ficam com inveja de nós e criam essas regras ai.

    A Paz.

    Claudio (ovelha, CCB m Brás, por enquanto)

    • Claudio disse:

      Ah ! Eu tambem empinava pipa, mas não o dia todo.

      Claudio (ovelha, CCB m B, por enquanto)

    • Márcio José Sérgio Ermida disse:

      Dei algumas risadas, irmão Cláudio. Leituras perniciosas… vai saber!

  6. Teologo disse:

    Quanta ignorância…

  7. bereiano disse:

    “50 tons de cinza” é o primeiro livro de uma trilogia que conta a história de um bilionário que faz um contrato com a mulher com que se casa que iria espancá-la toda noite, e esta quanto mais apanha mais gosta. É um livro sadomasoquista escrito com uma linguagem muito baixa e literalmente é um lixo. Um fenômeno de vendas e surpreendentemente agradou o público feminino.

    O tópico começa dizendo “É SABIDO”, mas é sabido por quem? Nossa irmandade não conhece o livro, e como a maioria dos brasileiros, não leem livro algum. Em minha opinião é um conselho desnecessário porque não reflete a situação da igreja.

    • Raphie disse:

      Oi Bereiano!
      infelizmente até é necessário sim, já vi muitos casos e relatos de gente dentro da igreja que leram este livro (e outos da mesma linhagem literária), lógico que leem quaquer coisa, mas a Bíblia não, porque aí é estudo e a letra mata, sabe como é né.
      Sabe, sinto aquela vergonha alheia de saber que irmã ‘x’ou irmãzinha moça ‘y’ leem este tipo de coisa… Não quero dar uma de fariseu, até porque tenho meus defeitos, pecados e carências, mas devemos fugir dessas coisas, sabemos o perigo que isto pode causar a uma cabeça sem preparo.

      • Raphie,

        Tem razão no que diz. Eu mesma já vi muitas pessoas se justificando que não busca literatura baseada em escritos bíblicos porque ‘a letra mata’ e porque Deus não é objeto de estudo. No entanto, algumas dessas pessoas, que repetem essa frase mecanicamente, eu ‘canso de ver’ sorvendo livros um tanto estranhos pra quem se diz tão ascético, além de outros não menos estranhos tais como de ‘evangelho espírita’.

        Nada contra qualquer estilo literário. Até porque, independente do teor, geralmente nos quedamos a determinados estilos em determinadas épocas ou fases da vida. Por exemplo, houve uma época da minha vida que eu era fascinada pelo tipo de literatura do Garcia Marquez (tenho tudo dele!) e do Saramago (quase tudo). Hoje em dia nem tanto… Já gostei muito mais de suspense também, com pitadas dramáticas…

        Discordando um pouco de você, sou a favor de que se leia de tudo: de ‘porcaria’ à chamada ‘nata’ literária. Para que se tenha um conhecimento amplo de tudo, e, principalmente, porque, justamente conhecendo ‘o que não presta’ é que se livra de certas boçalidades e preconceitos culturais e religiosos, à medida, que se vai desenvolvendo uma maturidade, um bom gosto e um senso crítico bem apurado.

        Eu tenho um neto de cinco anos, que antes de completar quatro, pegou um livro da minha prateleira e disse: vó, posso ficar com esse livro? Eu achei aquilo engraçado, larguei o que estava fazendo e me sentei ao seu lado falando sobre aquele livro, sobre um futuro próximo em que ele iria começar a ler aquele livro… Abri numa página e comecei a recitar o clássico ‘Amor é fogo que arde sem se ver’, fazendo uma analogia com Coríntios 13, obviamente falando em linguagem simples e acessível à sua idade, sem contudo, subestimá-lo.

        O nome do volumoso livro é ‘Obra Completa de Luís de Camoes’. Fiz uma dedicatória e entreguei-lhe de forma divertida, mas com leve toque de solenidade, de maneira que aquilo ficasse em sua memória. Ele não mora aqui mas sou informada de que, com frequência ele pede o livro e fixa a visão em determinada página e fica lá concentrado um tampão como se estivesse lendo. Depois disso, já lhe dei outros dois do mesmo ‘naipe’, tá virando vício rsss.

        Alguns podem pensar que isso é prematuro ou que poucas crianças têm esse talento, mas é porque não querem enxergar que a tecnologia está ‘ativando’ o cérebro dessas criaturinhas de forma cada vez mais precoce e admirável! Ora, se essa gurizada pega um Ipad ou um Ipod e os manuseiam de forma incrivelmente rápida e autodidática, porque eles não o fariam com outras informações? Quanto mais as nossas adolescentes… Eu tenho uma sobrinha que vai completar 13 anos em agosto e desde os oito, nove, ela devora literatura infanto-juvenil e, ultimamente, alguns bem adultos, ela até me empresta! Ela tem uma maturidade impressionante se destacando dessas ‘doidinhas’ fúteis que se vê por aí, mas passando bem longe de ser nerd nem mesmo pulando etapas, sendo apenas uma menina desencanada e gostando de curtir coisas próprias da idade. Eu, que sou super moderna e acompanhando sua trajetória de vida desde o nascimento, fico impressionada com algumas colocações dela frente as vicissitudes da vida. Bora combinar, com um leque enorme de possbilidades, hoje em dia quase nenhuma jovem se limita a ler livro apenas do tipo ‘Pollyanna’.

        Enfim, me estendi colocando minha opinião pessoal e abrindo minha vida particular (pra variar rss) na intenção de ilustrar um pouco a realidade que, certamente, é a de muitos leitores. Não podemos ser ingênuos e querer tapar o sol com a peneira. A informação está aí batendo na cara dos nossos jovens e nenhum pai, nenhuma mãe, nenhum adulto responsável (nem muito menos um líder religioso!!!) consegue controlar isso. A única coisa que se pode fazer é sentar e conversar, participar efetivamente da vida do garoto e da garota, das bons exemplos, exemplos sadios e práticos, quebrando tabus, orientando com equilíbrio e dentro da realidade atual. E eu falo de orientação na acepção da palavra, e não da perniciosa repressão notadamente desastrosa realizada nos meios religiosos.

        A proibição sumária (velada ou explícita), sim, é que incita o jovem, de um lado à desinformação e limitação, de outro, à busca curiosa bem característica da natureza humana em qualquer geração. E, o pior da proibição: um estímulo à hipocrisia, e, consequentemente ao afastamento do meio familiar; ou, no máximo – igualmente desastroso! – uma relação fingida e dissimulada, que muitos pais veem como perfeição de família de propaganda de margarina na TV. A História recente da religiosidade nos tem denunciado isso de forma muito clara e o ponto nevrálgico reside justamente nos ensinamentos sistematizados. Sinceramente, eu não consigo entender como alguns dirigentes religiosos não conseguem atinar para algo tão óbvio, repetindo os mesmos equívocos doutrinários.

        Abs,

        R.

        • Raphie disse:

          Olá Rê (posso te chamar assim? rs)

          Concordo em gênero, número e grau contigo. Quando me referi ao ‘ler de tudo’ até fui um pouco infeliz, mas compartilho da mesma visão que ti.
          Acho muito saudável que se conheça todas as vertentes literárias, como você disse, assim descobrimos do que realmente gostamos.
          Quando eu era criança, lia tanto, era obcecado por obter conhecimento, eu devorei a Larrousse completa quando tinha 9 anos! Enfim, se eu não tivesse esse gosto pela leitura quando criança, não teria meu senso crítico apurado, e como muitos estaria ‘cego’ ao que são usos e costumes denominacionais, estaria atrelado com os mesmos arreios de muitos…
          Como um amigo disse um dia, quanto mais as ovelhas leem, mais negras elas ficam!

          Abraço!

      • Eu acho que o problema é que ela se refere à toda e qualquer leitura.
        Pelo que entendi nos tópicos de doutrina e fé, é proibido ler qualquer coisa que explique a bíblia, por exemplo.

        O problema que nossos jovens precisam ler. Vivemos num país de pouca leitura, se formos contra tudo que aparece e que os incentiva a ler, seremos mais perversos do que a pessoa que escreveu 50 tons. Os pais devem ensinar o filho no caminho que deve andar, e quando foi velho, não se desviar, e a liderança da igreja deveria estar mais preocupada com a salvação de vidas, e não com a opressão das que já estão lá.

    • Samuel disse:

      Amado irmão,

      Depende muito… Uma grande parte da nossa irmandade tem acesso a internet e outros meios de comunicação. Esse livro ficou muito famoso e é muito conhecido. Tenho certeza, que grande parte da irmandade tem conhecimento sim desse livro (principalmente nas capitais e locais financeiramente abastados). Eu conheço irmãs que já leram ou tem interesse em ler esse livro, que como o irmão mesmo disse, estranhamente faz um sucesso enorme com o público feminino.

      Deus o abençoe!

  8. Samuel disse:

    Irmão HP,

    Essa carta do ancião que diz que o adversário chegaria através da rede de energia elétrica, foi algo oficial nos moldes de uma circular ou um caso isolado?

    Não tive conhecimento dessa carta, e gostaria de que se possível o irmão transcrevesse o conteúdo da mesma.

    Deus o abençoe!

    • Samuel,

      Não. Um ancião teve um “revelamento” e escreveu esta carta para aconselhar a mocidade nas Reuniões de Mocidade.

      No “revelamento”, o diabo tomaria conta da Rede Elétrica e usaria ela para entrar na casa dos crentes, via TV, rádio e Internet. Foi dito também que na internet há sites que foram escritos diretamente de dentro do inferno e postados na rede, aonde não seria possível rastrear origem humana nos mesmos…

      Parafraseando CF: “É insuportável ver o diabo ser glorificado pela freqüência com a qual se menciona o seu nome nos cultos, sendo que Paulo dele falou menos de uma dúzia de vezes em todas as suas cartas, e as alusões que Jesus fez a ele foram mínimas. No entanto, entre nós o diabo está entronizado como o inimigo de Cristo e o Senhor das Culpas e Medos. E, assim, pela freqüência com a qual ele é mencionado, ele é crido; e seu poder cresce na alma dos humanos, a maioria dos quais sabe apenas do Medo da Lei, e nada acerca da Total Libertação que temos da Lei e do diabo na Graça de Jesus, que o despojou na Cruz.”

      Abs.

      • Samuel disse:

        Entendido irmão. Ainda bem que essa carta lamentável não é oficial. Tomara que o ancião regional responsável pelo setor onde atende o tal ancião o admoeste a não usar mais essa carta e guardar essa revelação para si.

        Deus o abençoe!

      • HP

        Eu sei de uma história antiga e bem parecida com esse seu relato em que o pastor de uma igreja, no interior de São Paulo, proibiu o uso de tecnologia USB por causa de símbolo padronizado parecer com o tridente que, segundo ele, o tinhoso usa para torturar as almas que vão para o inferno.

        Como assim? E precisa torturar quem vai pra lá? ¬¬

        Enfim, segundo ele, quem tiver um troço desse em casa é identificado como adorador de Satã ¬¬

        Curiosamente, para o mesmo pastor, já o Bluetooth seria algo divino porque o seu símbolo é azul. ¬¬ Segundo ele, a cor dos olhos de Jesus ( O Jesus dele é nórdico rss)

        http://jornalgospelnews.com.br/2010/11/23/pastor-proibe-o-uso-de-usb-por-ter-simbolo-semelhante-ao-tridente/

        Abs.

        ¬¬

        • mamma mia!!!

          Regina, não fala alto, senão pegam a idéia e logo logo sai em tópico!

          rsrsrs

        • Irmã Regina, essa estória nada mais é do que (mais um infeliz) exemplo de má doutrina e imbecilidade:

          Imbecilidade porque se misturam coisas que não fazem sentido, como símbolos que definem tecnologia com conceitos teológicos.

          Má doutrina porque se tenta fazer passar a ideia que o diabo tem algum poder sobre o inferno. Ora, para quem já leu a Bíblia sem os óculos denominacionais sabe perfeitamente que quem governará sobre o Inferno é o Senhor Jesus, e que o diabo estará lá, bem como os seus anjos de perdição, mas a serem castigados por Jesus para todo o sempre.

          Apoc/Rev 1:17-18
          “E eu, quando o vi, caí aos seus pés, como morto; e ele pôs sobre mim a sua dextra, dizendo-me: Não temas; Eu sou o primeiro e o último; E o que vivo e fui morto, mas eis aqui estou vivo para todo o sempre. Ámen. E tenho as chaves da morte e do inferno.”

          Mais do mesmo, só mesmo para nos lembrarmos que temos de orar… mais e mais, sem cessar.

          Deus a todos abençoe,
          Vitor, CC em Portugal

          • Vítor,

            Sabe aquela parte que Jesus disse: “Temai aquele que tem poder de jogar no inferno”?

            Várias vezes ouvi pregacoes que referia que devemos “temer ao diabo, pois ele tem poder de jogar no inferno”.

            Levou tempo para que eu conseguisse ler essa parte “sem os óculos denominacionais” como voce diz, e entender que é DEUS quem joga no inferno… “TEMEI APENAS A DEUS!”

            Deus te abencoe!!

          • Irmão HP, eu nunca ouvi essa pregação citada por ti na CCB, o irmão deve estar confundido com esta abaixo:
            “Sede prudentes como uma serpente, e não subestime o inimigo, pois o mesmo é mais velho do que ti, e sabe usar de astutas ciladas que, se possível for, enganará até os escolhidos de Deus”

            Deus abençoe.

          • Irmão Vitor, não é questão de conferir poderes ao diabo. E sim de realçar as palavras da verdade. Não será o inimigo que jogará o filho negligente no inferno, e sim Deus. Não se esqueça que no deserto ficaram prostados muitos dos que deram ouvidos ao desejo de sua carne. Daí eu te pergunto: Foi Deus ou o diabo que os destruiu no deserto? Com certeza foi Deus, pois não suportava mais as suas desobediências.

            Então, devemos pregar o amor e a misericórdia de Deus? Sim devemos. Porém devemos pregar também o que acontece com quem desobedece a Deus, para que, no último dia, ninguém diga que não ouviu a palavra de condenação, e venha a reclamar que está sendo julgado injustamente, ou seja, os dois lados da moeda. Isso não é imbecilidade. É a Palavra de Deus.

            Deus o abençoe.

          • Joao:

            Lucas: 12. 5. Mas eu vos mostrarei a quem é que deveis temer; temei aquele que, depois de matar, tem poder para lançar no inferno; sim, digo, a esse temei.

        • Claudio disse:

          Esse pastor deve ter razão, eu mesmo quando vejo o símbolo da Apple fico com medo, até os preços desses dispositivos nos assustam.

          Claudio (ovelha, CCB min Brás, por enquanto)

          • Cláudio,

            Faz muito bem ficar com medo.
            Até porque o símbolo é uma maça mordida (risos)

          • Claudio disse:

            Sim Regina, é esse o meu medo, mais até do que os preços hehe.

            E “VISA” é 666.

            VI = 6 em romanos.
            S e A representam 6 no grego e hebraico.

            Fora que a pombinha é um símbolo sexual em egípcio.

            Ouvi isso outro dia e dei crédito pois quem falava tem envergadura para tanto, sei lá.

            Vamos orar.

            Claudio (ovelha, CCB min Brás, por enquanto)

          • Vixeeeee vou quebrar o meu cartão jajá!
            Afff tô fora dessas ‘maldições’.
            Afinal, como vc diz, quem afirma tem ‘envergadura’. Superior a Cristo.
            Vou ali comprar um galho de arruda e sal grosso pra completar a crentice macumbogélica.
            E aproveito pra ver se vc tá na esquina kkkkkkkk

        • Douglas Pereira da Silva disse:

          [Kkkkkkkk]

          A paz de Deus irmãos!

          Estou amando este debate [Regina e irmão HP]! Meu tempo está “curto” para escrever e postar, mas tenho acompanhado as postagens.

          Agora, essa do tinhoso postar na internet diretamente do inferno e ainda entrar na rede elétrica foi demais [Rsrsrsrsrsrs]. Só rindo mesmo. Ai ai… Foi isso mesmo que eu entendi irmão HP? [Rsrsrsrsrsrs].

          Não sei o que é pior? Se são estes pobres incautos com tais “revelamentos”, se sou Eu que fico rachando o bico com tal disparate, ou as duas coisas? [Rsrsrsrsrs].

          Um grande abraço,
          No amor de Deus,
          Douglas

          • Douglas Pereira da Silva disse:

            Ah… Antes que eu me esqueça, permitam-me fazer uma observação, talvez sem necessidade por não haver espaço no assunto deste tópico, mas ainda assim acho (?) importante:

            O inferno, nem sequer, ainda foi inaugurado!

            Um grande abraço,
            No amor de Deus,
            Douglas

  9. Evangelista Cristâo sou da CCB e sou felicissimo

    Minha familia pertence a CCB desde 1926 e, todos que dormem aguardando a volta de Cristo em nuvens,para levar-nos ao céu, terminaram a vida terrena na CCB e, por sinal felizes.

    Eu tenho que repetir o que venho postando; Tenho filha médica, dentista,empresários, professora universitária,netos maravilhosos que já cantam e gravam hinos.
    Reflitam que nenhum tem característica de aceitarem a (TAL) lavagem cerebral citada na NET.

    Admiro nossa ordem de culto nas quase 20 mil igrejas no Brasil,mais os quase 300 mil músicos e 700 mil organistas, onde irmãos sentam de um lado e irmãs do outro,cantandoos hinos na hora certa, agradecendo a Deus no culto, ouvindo a pregação dos textos biblicos, um só orando por todos na hora da oração e, os cultos com aproximadamente uma hora e meia.

    Inaugurando uma média de 300 templos por ano,reuniões da mocidade as 2 horas da tarde de domingo,com templos repletos e, a mocidade indo sem propaganda de festividades, Santa cèia hiper organizada, sendo alguns bairros 2500 pessoas celebrando com ordem e respeito, batismos com 5 ou20 ou 50 ou 100 ou 200 ou 400 pessoas batizando num só dia.

    Coletas anônimas onde ninguém sabe quem deu e no fim o que entra resolve os problemas diversos como; Construções, manutenção, atendimento ao necessitado e, até remessas para nossos irmãos necessitados na (EUROPA), África, entre outras localidades.
    Somos desligados de política e, nunca necessitamos de ajuda governamental.

    Hinário com 480 hinos com poesias maravilhosas que qualquer professor de português tem que admirar !!

    Tudo isso desperta inveja para muitas pessoas e até (ALGUMAS) algumas denominações, que tentam de todas as formas denegrir a grandeza da CCB.

    Não adiantará criticarem meu texto, afinal contra fatos não existem argumentos e, se a CCB fosse tudo de negativo o que alguns postam, jamais sería tão organizada e, com quase 3 milhões de fiéis e a maior orquestra do PLANETA TERRA.

    É isso aí gente !!!! podem postar o que desejarem, pois quem não é da CCB e lê o que (ALGUNS),alguns, postam contra a CCB, acabam indo conhecê-la e, quando chegam no culto, muitos se convertem a Cristo e passam serem membros da CCB.

    Evangelista Cristão, CCB com muito orgulho !!!

    • Amado,

      Quando os crentes em Jesus morrem, eles vão dormir?
      Se for assim, qual a explicação para o “Milênio” exposto em apocalipse?

      Abraços.

      • HP,

        Vc conhece a maior orquestra do mundo?

        Dê uma linkada básica aqui e confira.

        Assista até o final e faça suas próprias reflexões sobre o que é verdadeiro louvor e adoração pura e simples.

        Adoração genuína de uma orquestra sem exibicionismo, sem glamour, sem orgulho estatístico, sem vaidade quantitativa, sem barganha, sem ‘toma lá, dá cá’…

        Uma orquestra que está muito além dos limites de uma instituição supostamente perfeitinha.

        Uma orquestra que não se diz PERTENCER a uma denominação porque ela vem naturalmente de Deus, é de Deus e vai para Deus. Tão somente!!!

        Orquestra sem nome, sem rótulos, sem donos. Essa é a ordem e a harmonia assustadoramente admiráveis!

        Orquestra completamente livre. Liberdade concedida pelo Espírito multiforme de um Deus Soberano que muito antes de 1926, não habita mais em templos feitos por mãos humanas.

        Uma orquestra que, embora numerosa, é totalmente desprovida da vaidade tola do glamour, dos números dos seus componentes que impressionam seus próprios egos inchados e dos instrumentos que carregam, ostensivamente, como se, seguramente, estivessem portando a bonificação para o céu.

        Uma orquestra muito superior ao tempo e ao espaço em que se ‘serve a Deus’ DENTRO de uma gloriosa Nova Jerusalém aqui na Terra.

        Isso sim, desperta um sentimento completamente diferente da inveja que é pura competitividade de meninos. Pois que, assistir a essa orquestra, desperta mesmo é um enorme constrangimento naqueles que, realmente, já entenderam o Espírito do Evangelho da Graça ! E que vai muuuuito além das narrativas farisaicas, da propaganda fajuta, do proselitismo barato, do tolo e infantil orgulho denominacional.

        Na Paz que não exclui eventuais tristezas e perplexidades…

        R.

        • Ah Regina…

          Essa pregação é linda.

          Se pararmos e só imaginarmos os cantos dos pássaros, a sinfonia contínua com o amanhecer no rodar da Terra… Quando os pássaros na China param de cantar, começa a vez daqueles nas savanas africanas fazerem suas partes… Quando eles terminam começa o solo dos canários-da-terra, araras, tuiutis no pantanal mato-grossense…

          De fato, a verdadeira maior orquestra do planeta! Um canto perfeito, dado por seres criados por Deus apenas para enfeitarem os céus com suas belezas e cantos…

          Deus é magnífico!

          • Pois é, HP…

            Além dessa orquestra que você ilustra com maestria, que bom que você entendeu o sentido – que infelizmente nem todos alcançam – e que reside justamente no fato de tal orquestra não ser composta por seres humanos. E, sim, por outros seres que Deus criou TAMBÉM para louvá-Lo. Seres estes que não saem por aí se exibindo e contando vantagens. É nisso que devemos imitá-los, aprender com eles essa reverência silenciosa e incondicional.

            É disso que falo, irmão. E sei que você e tantos outros entenderam a mensagem da manifestação divina nesses seres.

            Toda a Terra e atá a natureza participam da alegria de adorar ao Senhor.

            Como diz o cântico do salmista:

            Alegre-se o céu e a terra exulte
            Folgue o campo e tudo que nele há,
            Regozijem-se todas as árvores do bosque
            Na presença do Senhor.
            ………

            Ruja o mar e a sua plenitude
            O mundo e os que nele habitam
            Os rios batam palmas,
            E juntos cantem de júbilo os montes.
            ………..

            Derretem-se como cera os montes
            Na presença do Senhor.

            ………..

            Inclusive acho interessante que o salmista diz para o homem louvar a Deus não apenas com harpa e flauta (instrumentos de sons maviosos e suaves), mas também com instrumento de corda e com címbalo (instrumento de PERCUSSÃO!) sonoro e retumbante. (Mas isso já é outra história…)

            Da boca dos homens, o louvor deveria ser algo que flui naturalmente do âmago do ser, e não apenas uma coisa restrita e limitada para quem tem ‘dom’, estudo formal ou local e hora de adoração agendada. Como diria Paulo aos efésios: ‘falando entre vós com salmos, entoando e louvando de coração ao Senhor com hinos e cânticos espirituais, dando sempre graças por tudo a Deus, nosso Pai, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo’ .

            O louvor genuíno deve fluir do coração em qualquer circunstância: em tempo de sofrimento, de desânimo, de tribulação, de tentação… Simplesmente porque Deus é digno de louvor. Em qualquer situação!

            O que passar disso é acréscimo de homens.

            Na paz que excede todo o entendimento.

            R.

  10. Irmão Eleotério , a Paz de Deus . Sei lá irmão , esse sentimento de que somos os “melhores” não é bom! Eu acho que não é um sentimento cristão. NÃO devemos nos julgar melhores do que ninguém. O que temos que ter em nossos corações e que é um sentimento digno , é o amor e orar por todos .

    Jesus foi exemplo de mansidão , humildade e amor. Demonstrou essas qualidades quando lavou os pés dos discípulos. Não acredito que Deus se agrade quando vê seus filhos se achando melhores que estes ou aqueles ou dizendo que somente “nós” vamos nos salvar e vendo os demais “por cima dos ombros” desprezando-os! O “MELHOR” tem que estar em nossos corações que é Jesus Cristo e suas qualidades. Sou da CCB e não concordo com esses tipos de pensamentos e atitudes! Concordo sim, que temos que orar uns pelos outros , pela humanidade para que Deus faça resplandecer Sua Luz mais e mais! Muitos pensam que pecado é só adultério , fornicação , ledo engano! Naquele dia vamos ter muitas surpresas… Ah se vamos!

    • Me perdoe pelo meu comentário acima ; é que fiquei muito triste com o seu comentário.Eu oro muito pela humanidade e por todos nós. Oro para que JESUS resplandeça mais e mais Sua Luz sobre todos nós cristãos e também sobre toda a humanidade. Deus conhece os corações dos homens e sabe quem O está buscando com sinceridade e diante disso de uma forma ou outra Ele se apresenta. Eu penso que temos que servir à Deus com simplicidade, humildade e amor no coração em busca do aperfeiçoamento sem comparações, buscando a paz com todos, se possível. Se hoje somos “um bolo confeitado” quase pronto para a festa , não devemos julgar quem ainda é farinha.

  11. Claudio disse:

    Amado Eleotério.

    E se Jesus pedisse pra vc largar tudo isso ai e seguir a Ele apenas? Ficaria triste ?

    “Evangelista Cristâo sou da CCB e sou felicissimo”…

    – Eu apenas frequento a CCB, sou de Cristo.Hoje mais feliz que ontem e menos do que amanhã.

    “Eu tenho que repetir o que venho postando; Tenho filha médica, dentista,empresários, professora universitária,netos maravilhosos que já cantam e gravam hinos.
    Reflitam que nenhum tem característica de aceitarem a (TAL) lavagem cerebral citada na NET.”…

    – Eu tenho um tio que é aposentado e é super legal, ah, não precisa ficar repetindo isso.
    “A CCB é isso e aquilo”…

    – Estudei no Senai aos 14 anos e lá é organizado, quem consegue dominar adolescentes faz miséria.

    “A orquestra é tal e tal”

    – O Yundi Li, sozinho ao piano, supera.

    “As mulheres de um lado e os homens do outro.”

    – Quero saber depois do culto.

    Ah ! Cumpre abandonar essa expressão “dormir no Senhor” pois é mais um dos “clichês” equivocados que usamos na CCB.

    A Paz.

    Claudio (ovelha, CCB min Brás, por enquanto)

  12. Enfim, a humildade tem que estar acima de tudo!!

  13. Evangelista Cristão para Cláudio

    Enquanto voce e ALGUNS, alguns falarem coisas negativas da CCB, do ministério, entre outras coisas maléficas, eu, continuarei repetindo as coisas boas e o bem que Deus tem feito para minha família.

    Se para alguns (ALGUNS), não tem findamento eu repetir em ter uma família MARAVILHOSA e, esta família frequenta assiduamente a CCB e, pela VIRTUDE ESPIRITUAL que na CCB sentem, somos alegres no espírito e na vida material, nada posso fazer.

    Num mundo pecaminoso que ALGUNS, alguns estão vendo seus filhos na mão do malígno e, nada conseguem fazer e, Deus me presenteou com esta felicidade eu só tenho que divulgar que estando servindo a Deus na CCB sou muito feliz.

    Creio e tenho visto que algumas pessoas de outras denominações, TAMBÉM, também são felizes !!!!

    Evangelista Cristão, postando coisas boas e positivas para alento de quem lê !!!!!!

  14. Evangelista Cristão para Sonia

    O motivo que me leva a falar coisas boas da CCB é pelo motivo de postarem coisas maléficas da CCB e dos irmãos que a dirigem.

    O dia que não falarem coisas horríveis a respeito da CCB, eu pararei de apontar as coisas maravilhosas que estão VISÍVEIS a cada um que frequenta a CCB.

    Infelismente, ALGUNS,alguns só postam as coisas negativas e, eu posto as coisas positivas.

    Com referência a pouquíssimas denominações que também são idôneas eu não tenho nada a postar, pois, cada um fala do que vive no seu dia a dia e, se alguns frequentam outras denominações que são até melhores que a CCB, que postem os FATOS e, vamos orar para que cresçam mais e mais.

    Dentre 45 denominações que conheço, Deus me separou para estar congregado na CCB e, não as frequento porque a doutrina ensinada na CCB é a que mais aproxima dos ensinamentos do novo testamento.

    Sobre SALVAÇÃO, eu creio que pessoas de outras denominações serão salvas e, o Juiz Celestial saberá escolher, lembrando que eu e ninguém tem capacidade de julgar uma alma.

    Evangelista Cristão

    • Irmão Eleotério Peço-lhe perdão pois acho que fui um pouco impulsiva , pois eu mesmo costumo afirmar que devemos olhar mais para a ” Rosa” do que somente para os espinhos. A beleza da rosa faz-nos esquecer dos espinhos. Sou muito , mas muito feliz servindo à Deus na CCB , é a minha Vida! Mas o que eu quis dizer mesmo , é o “ar de superioridade” que há em alguns em nosso meio , em relação aos outros evangélicos e acho que esse sentimento não é bom! Era isso que estava querendo passar.,Deus te abençoe!

      • Enfim , estou feliz na Graça que é Jesus Cristo. É alegria do meu viver! Como dizia o antigo hino 263 Oh! Quanto amo a tua lei divina.Nela medito dia e noite… Amo tudo isso.

  15. Evangelista Cristão para hp

    hp, Segue (UM) dos pontos no novo testamento de Cristo que fala sobre os que dormem;

    1 Tessalonicenses 4:13-15

    Não quero, porém, irmãos, que sejais ignorantes acerca dos que já (DORMEM), para que não vos entristeçais, como os demais, que não têm esperança.

    Porque, se cremos que Jesus morreu e ressuscitou, assim também aos que em Jesus (DORMEM), Deus os tornará a trazer com ele.

    Dizemo-vos, pois, isto, pela palavra do Senhor: que nós, os que ficarmos vivos para a vinda do Senhor, não precederemos os que (DORMEM).

    hp, procure ler mais a biblia, pois acredito que os cursos teológicos que voce frequenta não devem ter professores com boa cultura, afinal não conhecer o capítulo que fala dos que DORMEM é preocupante !!!!

    Observe o que voce, hp, postou acima……
    Quando os crentes em Jesus morrem, eles vão dormir?

    Sobre termos 300 mil músicos e 700 mil organistas e, todos pertencerem a uma só instituição é sim motivo de Glorificarmos a Deus pela beleza da orquetsra da CCB.

    Sobre o video postado com um cidadão falando nada tem a ver com seres humanos tocando para louvar o Seu CRIADOR………….

    hp, dizer que os pássaros são a maior orquestra do planeta é diferente em mostrar que a CCB tem uma organização de dar inveja para muita gente.

    O que me levou a mostrar a grandeza da orquestra é as coisas negativas postadas por alguns, denegrindo a instituição CCB.

    Sendo assim enquanto mostrarem coisas negativas da CCB eu postarei mostrando as positivas. Creio ser meu dever !!

    Evangelista Cristão falando coisas que alentam……….

    • Eleotério!!

      Tá na hora de ir buscar mais remedinhos no teu neurologista!

      Nunca frequentei curso teológico nenhum. Mas talvez seria bom. Cristo era chamado de Mestre porque Ele tinha estudado no meio dos doutores, senão nem as Escrituras lhe seriam dadas para ler perante a sinagoga.

      Te perguntei sobre o milênio e não obtive resposta. Se eu te falar que o “dormir” na Bíblia é simbólico, você acreditaria? Se eu te citar exemplos dos remidos que perguntaram “Até quando esperaremos vingar o nosso sangue?” ou o exemplo dado por Cristo sobre “Lázaro no seio de Abraão”… Estes não estavam dormindo!

      Por isso muitos não compreendem a respeito do milênio de Cristo, que já está correndo desde quando aquele ladrão do lado da cruz de Cristo entrou no paraíso, e o diabo desde então está preso. Preso, pois ele não tem poder de acusar os escolhidos sobre o pecado. Os poderes do diabo estão limitados desde então…

      Lembre-se que os da primeira ressurreição, os que desde o ladrão do lado da Cruz até os que hoje morrem na fé, estão vivos, reinando com Cristo e não sofrerão o dano da segunda morte.

      Mas, deixa pra lá. Quem sou eu pra dizer isso… primeiro temos que entender o que é pecado e o que é salvação né?

      Quem sabe um dia chegamos lá!!


      Ah, e sobre a orquestra, mesmo que seja muito organizado qualquer louvor nesta terra, o Criador tem anjos que dão glórias continuamente para Ele… Estamos longe de valhermos algo em matéria de qualidade…

      Abraços e não se esqueça do remedinho tá? Pega a receita e passa na Drogaria SP que tem desconto!

      • Irmão HP disse:

        “Tá na hora de ir buscar mais remedinhos no teu neurologista!”
        “Abraços e não se esqueça do remedinho tá? Pega a receita e passa na Drogaria SP que tem desconto!”

        Não faça isso servo de Deus, o irmão muito me entristece com esses deboches. O fato de o irmão Eleotério não concordar com o teu ponto de vista não lhe dar o direito de agredi-lo. Será que para ti é difícil amar o teu irmão. Reconheça que estás correndo grande perigo. Humilha-te, e pede perdão a ele, no amor de Cristo.

        Com relação a Jesus Cristo ter estudado com os doutores, tenho as minhas dúvidas, veja isso:
        “E os judeus maravilhavam-se, dizendo: Como sabe este letras, não as tendo aprendido?”
        “Porque, quem conheceu a mente do SENHOR, para que possa instruí-lo? Mas nós temos a mente de Cristo.”

        Deus o abençoe

        • Meu querido,

          Fui apenas ironico com o Eleotério, usando do depoimento que ele mesmo deu dias atrás sobre o uso de medicamentos por parte dele, para problemas neurológicos que ele sofre.

          Abracos!!

          😉

    • Esse é outro tema polêmico que não leva a lugar algum a discussão. Há pontos na bíblia que indicam que após a morte, haverá sono da alma até o momento do retorno de Jesus Cristo. Há pontos que indicam que após a morte logo em seguida já iremos para o céu (é claro os que foram salvos). Esse é um assunto complexo. Eu particularmente, acredito no sono da alma até o retorno de Jesus Cristo, como o irmão Eleotério.

      Agora pergunto, que diferença isso faz para o crente?

      Quando dormimos e acordamos, não temos noção de tempo. É tudo muito rápido com relação a nossa percepção.

      Desta maneira, com ou sem sono de nossa alma após a morte, com relação à nossa percepção, imediatamente iremos para o céu. Não fará diferença.

      Como há argumentos para as duas linhas de pensamento, penso que essa é uma discussão inutil.

      Deus os abençoe!

      • Então Samuel.

        Esse ponto leva a outros que são a repeito da questão do milênio, do poder do diabo nos dias atuais e julgamento final.

        Entender esta parte é fundamental para esse entendimento. O que temde crente que dá poderes fenomenais ao diabo, que pensa que Cristo ta perdendo batalhas para o diabo nos dias atuais entre outras coisas…

        Abraços

        • Não é Cristo que está perdendo para o inimigo, e sim as pessoas que, depois de lavadas pelo sangue do Cordeiro, passam a amar mais o segundo do que o Primeiro.

  16. Ronaldo disse:

    Irmão HP, me esclarece então quem passa acusação do adversario quando peca, ja esta se referindo aquela parte do milênio?

    • Irmão Ronaldo, um conselho meu para quem cai em pecado de morte ( adultério consumado), é continuar buscando com muita humildade, somente de Deus o seu perdão, pois Deus ama os humildes e rejeita os soberbos. O homem não tem poder para perdoar pecados, então não deve fazer como os néscios que se revoltam contra o ministério. Se o irmão, antes de cair em tentação, já fazia visita aos enfermos, visite mais; se amava o teus irmãos, ame mais; se atendia aos pobres na sua necessidade; então atenda mais; vá aos funerais, seja o ombro amigo dos aflitos. Cumpra a religião pura e imaculada. Depois de ter feito tudo, fique firme, pois está escrito que aquele que crer no Senhor, mesmo que esteja morto viverá.

      Deus o abençoe.

      • Joao.

        Nao chame adultério consumado de pecado de morte.

        Isso é um erro primário. Todo pecado leva a morte. E o único que para o qual nao há perdao é a Blasfemia contra o Espírito Santo.

        Abracos.

        • Claudio disse:

          Irmão HP.

          Com o devido respeito que merece, e pela primeira vez vou discordar do irmão.

          Fora a blasfêmia, tem ainda o adultério (consumado, pois a tentativa é perdoada) e a fornicação.

          Aprendi isso na CCB já tem uns anos, nunca acreditei muito pois lia a Bíblia, mas acredito piamente que nesse ponto a CCB tem razão.

          Li isso em algum lugar, mas disseram que na cruz, atrás do madeiro estava escrito uma lista de exceções para as quais o sacrifício de Cristo não valia, não sei se é verdade, mas pelo que ando lendo por aqui e ali…sei não..

          …para que todo aquele que nele crê não pereça…

          HP, continue orando por nós.

          A Paz.

          Claudio (ovelha, CCB min Brás, por enquanto)

          • Ahhahah.

            Boa Cláudio. Teu humor é sutil.

            É mas tem gente que ainda crê que o sacrificio de Cristo tem limites.

            Bem aventurado o que tem fé, pois ” o Justo (aquele que é justificado por alguém) viverá pela fé”.

            E só tem fé quem assim o Pai o der.

            Quer dizer, se não for Deus nos salvar, todos pereceriamos.

            Glorias a Deus por isso!!!

          • Resumindo o que entendi do teu comentário, irmão Claúdio:
            “Depois de lavados pelo sangue do Cordeiro, seria bom que não pisassemos nesse sangue, porém se pisarmos uma, duas, três, quatro, cinco … e etc, não tem problema, Deus não nos contará com os rebeldes”.

            Deus o abençoe.

          • Douglas Pereira da Silva disse:

            Boa irmão Claudio [Kkkkkkk]

            Um grande Abraço
            No amor de Deus
            Douglas

          • Douglas Pereira da Silva disse:

            Vixi… Essa lorota de “pisar no sangue” já cansei de ouvir! Esse jargão virou clichê em nosso meio!

            Os incautos justificam esse pisar no sangue – que não tem nada haver com adultério, fornicação e seja lá qual for o pecado – em Hebreus 10:26-29. Quem conhece um pouquinho de hermenêutica bíblica e línguas originais (no caso o grego para o novo testamento) – embora nem seja preciso tais conhecimentos (?), basta aprender a ler a bíblia em todo o contexto e parar com a prática da “blibliomancia” – sabe que o tal pecado voluntário dos cristãos hebreus era o de apostasia!

            Um grande abraço,
            No amor de Deus,
            Douglas

        • Raphie disse:

          HP,

          Pois é, aqueles que julgam o que é pecado, acham que existe pecado, pecadinho e pecadão… Ora tudo é pecado!

          Quanto ao adultério e fornicação, você não tem o direito de pecar, mas se cair no erro, o amor de Deus (manifestado por Jesus Cristo) é muito maior para anular o efeito do pecado. O amor de Deus é eficaz e não eficiente.

          O ‘pecado de morte’ que o João falou ali só se for o ‘pecado de morte denominacional’.

        • Irmão HP, não vou explicar novamente o porquê do adultério ser um atentado contra o Espírito Santo. Acho que a Bíblia explica melhor do que eu. Irmão Ronaldo, no amor de Deus, não quero condená-lo, pois quero apenas o teu bem espíritual. Porém, não posso deixar de pregar a verdadeira Palavra. Devemos lembrar sempre que quem lavra a terra suando e chorando, voltará colhendo e cantando.

          Deus o abençoe.

          • Joao.

            Lembre-se que na listinha, todos os pecados sao colocados numa cesta só, recebendo o mesmo peso e pagamento: morte.

            Como se livrar da morte? APENAS PELA GRAÇA DE CRISTO.

            A graça nos perdoa, tirando esta divida com a listinha. E como consequencia, nos contrange em amor cumprir a listinha, nos santificando.

            Que graça maravilhosa Cristo nos concedeu de sermos perdoados e de toda a escrita de pecado ser tirada das nossas costas!!!

        • Exatamente, HP!

          Não é o Ronaldo cumprindo uma sequencia de ‘obrigações’ que Deus o perdoará.

          Na Graça não tem nem listinha, quanto mais uma listinha duplicada para quem ‘pecou’ mais? Ame mais, visite mais, vá mais, FAÇA mais?!

          Isso me faz lembrar do padre quando manda fazer penitência e rezar ‘tantos pai nosso e tantas ave marias’, dependendo do ‘tamanho do pecado’.

          Meu Deus, quanto equívoco!

          E não há ‘néscios que se revoltam contra o ministério’? É exatamente o oposto: o ministério é quem se revolta, exclui, constrange e humilha o ‘pecador’ confesso. Seja esse pecador ‘néscio’ ou culto.

          Enfim,

          Não há como não repetir suas palavras tão bem colocadas:

          ‘A graça nos perdoa, tirando esta dívida com a listinha. E, como consequência, nos constrange em amor cumprir a listinha, nos santificando.
          Que graça maravilhosa Cristo nos concedeu de sermos perdoados e de toda a escrita de pecado ser tirada das nossas costas!!!’

          Essa é a sequência da Aliança ‘pura e imaculada’ feita na Cruz.

          O resto é ‘cumprir religião’.

          • Regina, responde-me uma pergunta. Aquele que diz da boca para fora que está arrependido, e continua na mesma, arrependeu-se de fato?

          • Irmão Joao1,

            Acontece que quem julga que este arrependimento é da boca p/ fora ou não não é o ancião, é DEUS…
            Não dependemos da misericórdia humana (ainda bem!), mas da divina!

            Em Cristo,

      • Claudio disse:

        Caríssimo Joao1.

        E para os bonzinhos, quais são as regras? Dá pra levar uma vida mais suave? Afinal de contas, para nós que temos pecados menores, Cristo nem precisaria ter sofrido tanto né?

        A paz.

        Claudio (ovelha)

        • Irmão Claúdio, em primeiro lugar não há bom senão um só, que é Deus. Em segundo, se queres, porém, entrar na vida, deve guardar os mandamentos que descrevi acima, pois são para aqueles que creem em Deus. Olha, se o irmão chegar a um lugar lotado e perguntar quem crer em Deus, muitos dirão que creem, pois até o inimigo crer, e estremece perante o Senhor. Mas se perguntar quem está disposto a abandonar todos os seus deleites para segui-lo, serão poucos. Miremos alto, ou seja, a perfeição de Jesus Cristo. Porque se dissermos que amamos a Deus, e não procuramos cumprir os seus mandamentos, fazemo-nos mentirosos, e o seu amor não está em nós e, assim, o Senhor nos terá como bastardos, e não como filhos.

          O irmão está confundindo conselhos do novo testamento com lista de regras religiosas do passado, as quais eram guardar dias, isolamento de purificação, circuncisão, guardar-se de comer animais impuros, e etc. O mesmo apóstolo que pregou contra essas obras ditas de purificação, exortou-nos a praticar as boas obras de fé para fugirmos da contaminação do mundo. Aquele que ouve os meus conselhos acima, e não se escandalizar, e os praticar, assemelhá-lo-ei ao homem prudente, que edificou a sua casa sobre a Rocha, a saber: Jesus Cristo.

          A religião pura e imaculada para com Deus, o Pai, é esta: Visitar os órfãos e as viúvas nas suas tribulações, e guardar-se da corrupção do mundo. Fazendo isso, os filhos de Sodoma e Gomorra não terão do que nos acusar. Ou o irmão nunca ouviu a famosa frase: “Se esse crente aí vai para céu, o meu lugar já está garantido. ”

          Deus o abençoe.

          • Agora eu concordo com o irmão.

            Perdoe-me pelos equívocos.

            Deus continue o abençoando tb.

            Claudio

          • João, você está lembrado que disse que eu não te engano com meu amor fingido? É claro que eu não me ofendi, e isso já te disse. Afinal o ser humano é assim mesmo, vive se precipitando e fazendo mau juízo dos outros. Eu sou assim, você é assim, todos somos assim, uma hora ou outra nos pegamos fazendo isso por causa da nossa limitada percepção das coisas.

            Mas vamos ser coerentes. Você achar que sou fingida não fica estranho me perguntar acerca de arrependimento? Qualquer coisa que eu te disser vai te soar fingido porque você já criou uma capa de defesa e proteção contra minha fala. Porém, como sou educada (mesmo sabendo quando se trata de uma pergunta capciosa), vou tentar responder sem a pretensão de querer te convencer de alguma coisa. Afinal, Quem nos convence é o Espírito Santo. Eu não tenho essa petulância (como li de um comentarista que estava tirando a venda dos olhos de outro). Isso é atributo exclusivo de Deus.

            Já foi dito de diversas formas aqui qual é a sequência numa conversão e a consequência NATURAL dela. Porém, como diria Paulo: ‘… o querer o bem está em mim, não porém o efetuá-lo. Porque não faço o bem QUE PREFIRO, mas o mal que NÃO QUERO, esse faço’. Por mais que pareça contraditório, esse é o perfil do arrependido, do convertido. Surpreendendo-se a si mesmo como réu confesso. Para mim, esse é o retrato do processo de crescimento na conversão e que não tem a ver simplesmente com ‘obedecer à Lei religiosa’. Pois, mesmo que se insista em bater na tecla do cumprimento mecânico de uma lista do bonzinho arrependido, é justamente aí que está a armadilha, a sutileza do vício religioso cuja cilada é alimentar o cinismo e a hipocrisia.

            Arrependimento não é algo pronto e acabado, é uma coisa constante. Você tem um arrependimento genuíno inicialmente quando a ‘ ficha cai’, mas é um processo pra vida toda. Porque conversão é todo dia, é não se conformar, não se acomodar, é renovar a mente, como disse Paulo. É confessar-se todos os dias ‘dando razão a Deus’, mas com naturalidade, com um olhar limpo e desimpedido das ‘obrigações de crente’, das vestes de religioso. Sendo apenas um ser humano que SABE que depois de uma experiência real com Jesus não tem como fingir diante de Deus. Porque ele SABE que não tem nenhuma outra alternativa fora da Graça.

            A bíblia nos diz que Pedro chorou amargamente depois que negou a Jesus. Simplesmente porque uma vez que essa revelação se instala em alguém – ainda que não haja garantia de perfeição – essa pessoa SABE que não há qualquer opção senão a Graça experimentada. E aí ele se arrepende e volta. E vacila, e faz bobagem e se arrepende. E volta. Como Pedro fez. Como o ‘Filho pródigo’ fez. E se arrepende. E volta. E erra e cai e se levanta com a ajuda de Deus. É isso, não tem uma mágica, uma mudança estática. É algo dinâmico. É crescimento. É amadurecimento constante. E se ele está sendo fingido, cínico, fraco, ou seja lá o que for, não é ‘ministério’ nenhum que vai determinar isso. É Deus e somente Deus!!! Só Deus conhece o coração de cada um e sabe se é fingimento ou sinceridade. É uma sintonia, uma ligação de Espírito com espírito cujo acesso foi por meio do Sacrifício Perfeito e que não cabe mais nada além dessa ligação.

            Diante disso repito apenas o que disse Jesus sobre sua ‘religião’ e seus mandamentos:

            ‘Novo mandamento vos dou: que vos ameis uns aos outros; assim como eu vos amei, que também vos ameis uns aos outros. Nisto conhecerão todos que sois meus discípulos: se tiverdes amor uns com os outros’.

            Porque Deus não tem nenhum altar de culto fora do amor ao próximo. E, neste amor que Jesus manda amar, está incluído todo o comportamento adequado diante do nosso semelhante. Nenhuma visita a ‘órfão’ ou ‘viúva’ servirá de nada se for feito apenas pela obrigação agendada na cartilha religiosa, tem que haver um sentido bem maior, até porque se não for por amor, de nada se aproveitará.

            Parece que a gente está dando liçãozinha mas é tão simples o que agrada a Deus e que tem a ver com o nosso comportamento com o outro. E que nada tem a ver com regrinhas extraídas das cartas apostólicas. Tem a ver com vida coerente, sincera, verdadeira, e acima de tudo ética e que esteja conforme o respeito,a solidariedade e o cuidado para com o próximo.

            É chato ter que repetir o que já se disse, mas não tem outra forma de dizer a proposta simples do Evangelho. E apenas vivê-la com sinceridade. Somente isso. É de uma simplicidade tão desconcertante que o religioso que se diz PERTENCER a uma denominação não consegue entender.

            Um abraço afetuoso!
            R.

          • Amiga Regina, peço-lhe perdão novamente por não me fazer entendido por ti. Na verdade, o que eu quis dizer é que a amiga não me enganava com o seu discurso de amor fingindo, e não que a senhora seja fingida. O que é diferente. Posso julgar o teu discurso (concordar ou não com ele), pois estamos debatendo aqui para isso, não é mesmo? Porém não posso julgar a tua pessoa, até porque não lhe conheço. Se assim o fizesse não estaria julgando segundo a reta justiça.

            Com relação aos pontos abordados por ti a respeito da graça de Deus, acho que já fui claro na minha explanação acima. Não tenho mais não a dizer. Com o tempo o Senhor lhe fará entender a minha posição.

            Deus a abençoe.

    • Ronaldo.

      Desde a vitória de Cristo na cruz, o diabo tem poderes limitados. Contra o crente, o diabo tem poder de tentar para tirar a paz.

      Quanto a “acusar”, deixo ao irmao versos escritos em Romanos 8:

      Quem intentará acusação contra os escolhidos de Deus? É Deus quem os justifica.
      Quem é que condena? Pois é Cristo quem morreu, ou antes quem ressuscitou dentre os mortos, o qual está à direita de Deus, e também intercede por nós.
      Quem nos separará do amor de Cristo? A tribulação, ou a angústia, ou a perseguição, ou a fome, ou a nudez, ou o perigo, ou a espada?
      Romanos 8:33-35

      Porque estou certo de que, nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os principados, nem as potestades, nem o presente, nem o porvir,
      Nem a altura, nem a profundidade, nem alguma outra criatura nos poderá separar do amor de Deus, que está em Cristo Jesus nosso Senhor.
      Romanos 8:38-39

      Arrependa-te do teu pecado APENAS com Deus. E viva o perdao que Cristo nos proporcionou pelo sacrifício perfeito na cruz.

      Deus te abencoe meu irmao.

      Abracos e a paz de Deus!

      • Claudio disse:

        Irmão HP.

        Louvo a Deus pela vida de todos aqui e em especial pela do irmão que pertence ao ministério.

        Pregação é na Palavra, quando estiver por aqui no interior de SP, venha congregar conosco antes que seja tarde, pois pelos meus cálculos, mais umas semanas de pregações de “sepultura” não sobrará mais irmandade pra ir pra debaixo da terra aqui na minha comum, já tá ralinho de gente.

        A Paz.

        Claudio (ovelha, CCB min Brás, por enquanto)

        • Cláudio.

          Estarei orando por vcs. Cristo não deixará suas ovelhas. Eu creio nisso.

          Grande abraço e que Deus te abençoe.

          • Márcio José Sérgio Ermida disse:

            Irmão HP,

            Quero aproveitar e estender o convite para o irmão congregar aqui na minha comum também. Só discordo quanto ao sono da alma e o milênio. Creio que a palavra sono ou o verbo dormir na Bíblia referem-se a quem morreu (dormiu) no Senhor (fiel ao Senhor). Como vemos nas histórias dos reis de Israel.

            Sou milenarista pré-tribulacionista. Creio no milênio literal. Creio que o Senhor arrebatará a Sua Igreja, de surpresa, claro, retirando o ES, que impede a ação do iníquo, o inimigo das nossas almas, de agir livremente. Com a ação liberada, o Anticristo (provavelmente já pondo suas garras de fora antes do arrebatamento) se entronizará em Israel, pois terá feito uma falsa aliança com o mesmo durante 3 anos e meio (1260 dias). Após 3 anos e meio, o Anticristo, propagandeado pelo Falso Profeta e apoiado pela Besta, se voltará contra Israel e levará a Abominação da Desolação para o Templo (estão com um protótipo dele lá, estive lá em maio do ano passado), dizendo ser Deus e perseguindo todos os que amam a Deus, os cristãos convertidos durante esses sete anos de Grande Tribulação. No começo, o povo judeu não vai ligar muito para a perseguição aos cristãos, mas depois que os 144.000 judeus escolhidos e capacitados por Deus começarem a evangelizar no próprio Israel, a chapa vai esquentar pro lado deles também. No final dos sete anos, haverá a Batalho do Armagedom, em Megido, quando as forças do inimigo cercarão Israel para fulminar de vez (Satanás sempre quis destruir Israel). Nesse momento, o Senhor voltará à Terra com Seu Exército e destruirá o exército do inimigo, prendendo Satanás durante mil anos no abismo (O Milênio). Serão mil anos de paz, com justiça, fartura, etc, e os povos servindo a Deus em Israel. Onde o Senhor Jesus reinará no trono de Davi. Após os mil anos, Satanás será solto novamente, provocando mais rebelião entre os homens, para que apostatem. Daí, será lançado eternamente no lago de fogo e enxofre, com seus anjos e quem os seguir, entrando então a eternidade na Nova Jerusalém.

            Irmão, perdoe pelo texto longo. Só quis expor em que creio, de acordo com profecias ainda não cumpridas na Bíblia (Daniel, Apocalipse e alguns profetas). Sei que existe a corrente milenarista sem a Grande Tribulação, e a amilenarista. Apesar de a CCB citar o milênio no Hinário, a maioria crê num final súbito com Jesus buscando a igreja (CCB), e o mundo acabando. Nem o milênio do Hinário é explicado pra irmandade, parece que só o Ministério pode saber essas coisas.

            Por um lado é bom, porque devemos nos preparar para o arrebatamento e ponto final, o Senhor “virá como um ladrão”. Por outro lado, só indica a inércia teológica de uma igreja com milhões de membros, que vivem presos numa rede exclusivista, onde crêem piamente que membros de outras denominações serão trazidos para o aprisco CCB, e a evangelização TEM que ser revelada pelo ES, engessando o IDE pregado pelo Senhor Jesus. Isso impede até o que venho insistentemente rogando na net, aqui e no face, para orarmos e participarmos de intercessão pelos irmãos perseguidos no mundo inteiro.

            Em Cristo, e com amor por TODOS meus irmãos.

            Irmão Márcio (Cristão por excelência, CCB por opção)

          • Márcio,

            Deus te abencoe pelo convite…

            Viu, também pensava igual a vc. Mas entendi que os números no apocalipse sao simbolos, e nao devem ser interpretados como literais.

            Estou sem tempo em discorrer sobre o assunto, mas dá uma lida nos links abaixo que creio te ajudarao a entender:

            http://tempora-mores.blogspot.ie/2012/11/onde-estao-os-finados.html

            http://www.respondi.com.br/2011/11/para-onde-o-crente-vai-quando-morre.html

            http://www.estudosdabiblia.net/b09_32.htm

            significado dos números do apocalipse: http://www.estudosdabiblia.net/a72.htm

            Deus te abencoe!

      • Irmão HP, eu sei que a tua intenção é boa, porém o irmão deve pregar a verdade que serve de remédio para nós, deve pregar Jesus Cristo, a Porta estreita. Assim fará com que aquele te ouve busque ser fervoroso na graça, e não morno, caindo no adormecimento do pecado; aprendendo sempre, e nunca chegando ao conhecimento da verdade. Não esconda mais as palavras de correção que, a princípio, parecem ser de tristeza e dor, mas produzem um fruto de alegria imensa nos exercitados por elas. Em Romanos 8 também está escrito que, se vivermos segundo a carne, morreremos; mas, se pelo Espírito mortificarmos as obras do corpo, viveremos.

        Rom 8-17 “E, se nós somos filhos, somos logo herdeiros também, herdeiros de Deus, e co-herdeiros de Cristo: SE É CERTO QUE COM ELE PADECEMOS, para que também com ele sejamos glorificados.”

        Então, irmãos, só pode ter tal confiança, demonstrada por Paulo em Romanos 8, quem lutar, é claro que com a ajuda de Deus, para mortificar a obras do corpo. Quem assim proceder será chamado filho de Deus, e o inimigo nunca intentará acusação contra ele.

        Deus o abençoe

        • Joao

          Eu prego apenas Cristo e não listinhas.

          Ja conversamos sobre listinhas e vc mesmo confessou que nao consegue cumpri-las.

          Então por isso, para mim o sacrificio de Cristo é completo, perfeito, puro, único e aceitável para PERDOAR todos os meus pecados.

          E isso eu prego pois nisso creio. Se pregar listinhas, eu estarei mentindo.

          Morro, sou enxotado por muitos seguidores de listinhas, mas NUNCA deixarei de pregar que Cristo me salvou e toda a lista de pecado que havia contra mim foi rasgada na Cruz.

          Glorias eternamente a Deus por ter amado um homem como eu que nao valia e ainda nao vale pra nada e nem valerei, mas ELE me resgatou. Por seu sangue me lavou. Sou Dele e diabo nenhum pode me separar do amor que Deus me amou.

          Abracos.

  17. Evangelista Cristão para hp

    hp, cheguei a conclusão que voce não crê no novo testamento e, voce criou um pensamento particular a respeito de Deus, diabo e, doutrina para salvação da alma.

    Observe o que voce postou logo acima;
    Cristo era chamado de Mestre porque Ele tinha estudado no meio dos doutores.

    Na passagem que cita Cristo entre os doutores ele tinha somente 12 anos e, já tinha estudado ? Já tinha título de mestre teológico ?

    Isso é muita tolíce da tua parte !!

    Postar que o diabo está preso, leia o que voce postou;
    Por isso muitos não compreendem a respeito do milênio de Cristo, que já está correndo desde quando aquele ladrão do lado da cruz de Cristo entrou no paraíso, e o diabo desde então está preso.

    Se o diabo estava preso, porque Paulo repreendeu o espírito que estava naquela adivinhadora ? Atos 16 vs 18

    Porque Pedro disse; Ananias, porque encheu satanás o teu coração. Atos 5 vs 3.

    Se o diabo estava preso porque Paulo falou que um mensageiro de satanás o esbofeteava e Deus lhe disse; Minha Graça te basta.

    Porque em I Corintios 5 vs 1 ao 5 Paulo repreende alguém que tomado pelo demônio abusava da mulher de seu pai e, por fim o mesmo fosse entregue a satanás para destruição da carne.

    hp, voce realmente precisa de um bom médico para a mente e, outro para os olhos, pois acabei de ver que além de débil voce não consegue ler ……….

    Sobre o tua ironia em eu tomar meu remedinho, pode ter certeza que quando eu precisar vou tomar, pois jamais desejo chegar ao gráu de loucura que voce está !!!

    Evangelista Cristão tirando a venda dos olhos do hp !!!

    • Amadíssimo Eleotério!!

      Meu pensamento a respeito de Deus, vem dos exemplos deixados por Cristo no Novo Testamento. Cristo é o verbo, a PALAVRA viva. Por isso sigo Ele, enquanto muitos dizem que seguem Cristo, mas vivem “esquiando” com os pés hora na Lei Mosaica, hora nos conselhos de Paulo (dando peso de LEI aos conselhos dele), e raramente pisando apenas nas pisadas de Cristo e seguindo o ÚNICO SALVADOR.

      Quanto eu ter tomado questoes periféricas, foram apenas para conhecer-te melhor. Saiba que Jesus nunca pregaria numa sinagoga se Ele nao tivesse estudado a Lei, mesmo que com toda a certeza, CRISTO nunca precisasse de ser ensinado. Nao a toa, os fariseus e escribas chamavam-o de “Mestre” pois ele realmente tinha esse título rabínico dentro do judaísmo. Isso é periférico, mas serve para refutar o tal dogma ccbeano defendido que “nao devemos estudar as Escrituras”.

      Quanto a “prisao do diabo”, desde a vitória de Cristo na cruz, o diabo tem seus poderes limitados na vida daquele que cre no sacrifício de Cristo como suficiente para sua salvação.

      Deixo alguns versos em Romanos 8:
      Quem intentará acusação contra os escolhidos de Deus? É Deus quem os justifica.
      Quem é que condena? Pois é Cristo quem morreu, ou antes quem ressuscitou dentre os mortos, o qual está à direita de Deus, e também intercede por nós.
      Quem nos separará do amor de Cristo? A tribulação, ou a angústia, ou a perseguição, ou a fome, ou a nudez, ou o perigo, ou a espada?
      Romanos 8:33-35

      Porque estou certo de que, nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os principados, nem as potestades, nem o presente, nem o porvir,
      Nem a altura, nem a profundidade, nem alguma outra criatura nos poderá separar do amor de Deus, que está em Cristo Jesus nosso Senhor.
      Romanos 8:38-39

      Quanto mencionar tua necessidade de remédios, foi ironico apenas, aproveitando tua declaracao dias atrás que voce toma remédios pois tem acompanhamento neurológico.

      Todavia se te chateei, peço desculpas. Sou homem suficiente para me desculpar se necessário de uma brincadeira. Quando ofendido, nao retribuo ofensas, chamando os outros de débeis mentais ou coisas parecidas.

      Dito isto, creio que escrevi todo o necessário para responder teu “amável” post.

      Grande abraço de quem estima esses debates que temos na net.

    • Irmão Eleotério, no amor de Deus, não revide mais as afrontas.

      Deus abençoe.

  18. Lendo os comentários acima , sobre os que “já dormem” , lembrei-me de algo que aconteceu com o meu falecido pai. Meu pai foi ancião por alguns anos na minha comum. Era um caro servo de Deus , o qual nos deixou bons exemplos. Meu pai sempre amou a todos do ministério que conhecia; mas, tinha um irmão o qual eu prefiro não mencionar o nome, que por ser o ancião mais velho , atendia as reuniões do ministério naquela época.Meu pai o amava tanto , que chegava a dizer que esse irmão era como o seu segundo pai aqui na Terra. Era um irmão muito espiritual e consagrado a Deus. Bem , quando foi lá pelos meados de 1.998 , senão me engano , esse irmão veio a falecer. Ficamos todos muito triste. Meu pai sentiu muito a sua morte e não se consolava de jeito nenhum. Começou então a orar a Deus que o confortasse.

    Quando foi um dia , meu pai teve um sonho.Ele disse sonho , mas , segundo ele , estava pessoalmente naquele lugar. Ele se encontrava num lugar muito bonito e viu uma espécie de construção muito requintada. Entrou naquele lugar e avistou um corredor muito comprido. Na sua lateral , haviam várias camas cobertas com colchas lindíssimas , bordadas,cintilantes , como nunca tinha visto confeccionadas assim, aqui na Terra.

    Observou que haviam espíritos descansando sobre essas camas. . Começou então a percorrer aquele corredor , quando avistou uma cama lá no fundo , com uma certa iluminação sobre a cabeceira. Sentiu-se atraído para àquela cama e caminhou em direção a ela. Quando se aproximou , ao contemplar quem estava deitado , reconheceu imediatamente o espírito daquele irmão e amigo , como se estivesse em repouso , descansando , bem como os outros espíritos iluminados que se encontravam naquele local.

    Contou-nos que , após essa cama do seu amigo, haviam outras camas cobertas com colchas belíssimas e brilhantes , só que estavam vazias…

    Depois dessa visão se sentiu consolado e confortado.

    Bem , o que dizer? É um mistério…

  19. E como explicar este acontecimento ?

    Tinha uma irmã , a qual lhe darei o nome fictício de Maria (pois não pretendo expôr o seu nome), que gostava muito de auxiliar os mais necessitados. Trata-se de uma irmã piedosa e muito sensível ao sofrimento alheio. Ela não é da obra da piedade.Isso aconteceu em 2004
    Ela recebia em sua casa doações de roupas usadas, depois as enviava, na maioria das vezes, para o interior de São Paulo ou onde houvesse maior necessidade. Tinha um casal que possuía um veículo de grande porte que fazia o transporte das roupas para o destino. Isso era feito a cada 30 ou 40 dias. Geralmente as roupas eram entregues na casa de irmãos da localidade, e partir daí eram distribuídas às famílias carentes. Não sei ainda está fazendo essa parte.
    Ela fazia tudo com dedicação e amor. Executava reparos nas roupas quando necessário, lavava, passava à ferro e depois as embalava em sacos plásticos. Ficavam como novas. Muitas pessoas carentes foram atendidas através desse seu auxílio voluntário.
    Bem, certa noite, após sair da igreja, ela me pediu que eu fosse até a sua casa, pois queria falar comigo. No dia seguinte fui até lá e ela me contou o seguinte relato, que me deixou muito impressionada:
    Ela me disse que havia tido um sonho muito lúcido com o meu falecido pai.SONHOU que estava arrumando as roupas em casa, quando de repente ele apareceu no local e a cumprimentou com um belo sorriso.
    Ele estava vestido com um traje tipo um uniforme, num tom azul-escuro, cheio de divisas nos ombros e no peito.
    Transmitiu-lhe, através de pensamentos, que o Senhor Jesus estava muito contente com o que ela está fazendo aqui na Terra, e a incentivou a prosseguir sem desanimar.
    Pediu então para ela falar comigo, para que eu fosse até a casa da minha mãe e pegasse uma camisa listrada de azul e vermelho que se encontrava no guarda-roupa e lhe entregasse..
    Feito esse pedido, meu pai lhe anunciou para quem deveria enviá-la, citando o nome do irmão que residia perto da igreja central, onde naquele mês iam ser entregues as roupas.
    Quando a Maria me passa esse recado do meu pai, confesso que fiquei meio duvidosa, pois eu tinha quase certeza de que minha mãe já havia doado todas as roupas do meu pai: ternos, camisas, sapatos, etc… mas mesmo assim fui até a casa da minha mãe para conferir.
    Chegando lá, conto o sonho para ela, que me olha espantada, dizendo que essa camisa listrada foi a única peça que não foi doada e que ainda estava no guarda-roupa.
    Foi até o guarda-roupa, pegou a camisa e me entregou; e vou levá-la para a Maria.
    Passado poucos dias, aquele casal viajou para o destino com as roupas, levando também a camisa separada.
    Daí alguns dias, a Maria me contou o que aconteceu…
    Quando o casal chegou na cidade, deixou as roupas com os irmãos como de costume, e logo em seguida buscou informações de onde reside tal pessoa que havia sido indicada pelo meu pai para dar a camisa.
    Como era uma pessoa conhecida, logo obtiveram as informações e se dirigiram para lá.
    Chegando no local, tratava-se de uma casinha bastante humilde. Chamaram pelo nome e o irmão veio atender. . O casal, então, explica tudo para ele referente ao sonho, e lhe entrega a camisa. Agradecido, começou a chorar, e conferindo o número da mesma, constata que é exatamente o seu número. Ele não conhecia o meu pai. Emocionado, faz ao casal essa confissão impressionante:
    Tinha ganhado um terno, mas faltava a camisa, e não tinha condição alguma de comprá-la. Então orou à Deus que preparasse uma camisa para ele, e ficou esperando com a certeza de que seria atendido… BEM , o que dizer? È um mistério…

  20. Meu pai era um homem humilde, o qual dedicou uma boa parte da sua vida em servir à Deus aqui na Terra. Sua vida aqui foi repleta de experiências no que concerne ao mundo espiritual, tanto do bem como do mal. Veio a falecer em casa ,de câncer no fígado , depois de muito sofrimento.
    Pouco tempo antes da sua partida daqui na Terra (ele estava inconsciente), estava eu sentada ao seu lado, em sua cama, segurando a sua mão havia um certo tempo, quando de repente comecei a sentir uma grande alegria envolver a minha alma, como se o quarto estivesse cheio da presença de anjos que transmitiam alegria. Lembro-me que cheguei a pensar: “Os anjos estão aqui. Eles chegaram.”
    Então, pouco depois, começaram a chegar as minhas irmãs, meus cunhados e amigos. Percebemos que ele já estava em seus últimos suspiros. Resolvemos então orar todos ao redor de sua cama, pedindo para que Deus nos consolasse naquela hora tão difícil.
    Quando levantamos da oração, uma das minhas irmãs, nos contou que viu pelos olhos espirituais, uma borboleta toda brilhante pousar nos pés do meu pai durante a oração.
    Passados uns 10 minutos, ele veio a dar o último suspiro nos braços da minha mãe. Meu cunhado então, o vê no canto da porta, em pé, vestido de branco, todo sorridente.
    Bom, o mais interessante é que uns dois dias depois de todo esse acontecimento, chegou até mim a explicação do porquê daquela alegria que havia sentido no momento em que me encontrava sentada ao seu lado.
    Na rua da minha mãe mora uma amiga nossa e irmã da igreja que tinha (pois já faleceu) uma tia, nossa irmã também que morava com ela e estava sob os seus cuidados, embora tivesse uma pessoa que cuidava dela. Ela se encontrava acamada e não podia andar.
    Essa sua tia tinha o dom da visão .. Tinha visões do mundo espiritual e às vezes comentava com a sua sobrinha quando via os espíritos, tanto do bem como do mal adentrarem aquele lar, e enxergava ou sentia quando algo bom ou ruim acompanhava as pessoas que entravam naquela casa.
    Essa amiga e irmã nossa na fé, também se encontrava lá em casa conosco quando o meu pai veio a falecer. Ficou mais um certo tempo e depois foi embora para a sua casa que ainda é até o dia de hoje, na mesma rua que minha mãe mora. Ela mora bem perto da casa da minha mãe; umas 5 casas para baixo.
    Ela contou que ao chegar em casa, a sua tia que não sabia de nada, ao vê-la, foi logo perguntando se ela tinha visto algo na rua. Sua sobrinha lhe perguntou o que era, e ela respondeu que: “havia tido uma visão daquela rua, naquele pedaço, e olhando para o alto vinha descendo uma espécie de clarão, e quando ela olhou já na rua, eram anjos resplandecentes, e eram vários…”
    Aquela notícia nos consolou, porque tivemos a certeza de que Deus havia enviado os seus anjos para buscarem o meu paizinho.

    • Certa manhã, minha irmã veio até mim chorando, contando que naquela noite havia sonhado que meu pai tinha morrido. Eu lhe disse que era apenas um sonho, pois meu pai estava muito bem. Ela me contou o sonho:
      Disse que avistava um cemitério e uma grande multidão do lado de fora desse cemitério. Era um funeral. Nisso, seus olhos se direcionam para o caixão e leva um susto! Era o nosso pai. Quase em estado de choque ela exclama: “Meu pai?!” Quando ela diz isso, uma voz majestosa e poderosa ecoa em sua mente: “Seu pai, mas meu filho!”
      Resolvemos guardar esse sonho em segredo.
      Passado um ano e meio desse sonho, certo dia, visitando a minha mãe, ela me disse que meu pai não estava bem e tinha ido ao médico. O médico pediu os exames necessários, e ele os fez. Feitos todos exames, foi viajar com minha mãe e ficamos de pegar os resultados. Quando abrimos os resultados quase caímos de costas: câncer nos intestinos.
      Meu pai voltou de viajem já sabendo. Bastante abalado, foi ao médico para procedimento.
      Passou por cirurgia.. Ficou no hospital mais de 14 dias entre a vida e a morte, pois teve infecção generalizada.
      Muitas orações foram elevadas a Deus por ele, pois era uma pessoa bastante querida.
      Um dia, ao visitarmos, o médico nos disse que estava bastante surpreso com a sua recuperação. Logo teve alta e foi para casa. Foi melhorando, melhorando, e chegamos a pensar: “Ainda bem que foi apenas um sonho!” Mas um dia sua pele começou a amarelar e começou a sentir dores abdominais. Lembro-me que indo almoçar com ele e minha mãe, na mesa, ele me perguntou:
      – Sonia, você acha que minha pele está amarelando?
      Com o coração partido, respondi:
      – Sim, pai.
      Novos exames: Câncer no fígado!
      Foi hospitalizado, mas não tinha mais o que fazer! Quis passar seus últimos dias em casa. Ficou 30 dias conosco. Foram dias de grande sofrimento, até que entrou em estado comatoso. No dia 11.11.2004 veio a falecer nos braços de minha mãe.
      Foi providenciado o seu funeral… Era tanta gente que tiveram que colocar o caixão do lado de fora. E o mais incrível: no local que minha irmã havia visto. Foi tudo exatamente do mesmo jeito que ela tinha visto no sonho. E só nós duas sabíamos desse sonho.

      • Claudio disse:

        Sonia e demais.

        Li com cuidado seu depoimento e deixa eu dar 2 depoimentos meus.

        1:

        Eu tinha 11 anos, uma irmã de 13 e outra de 2 na época dos fatos.

        Foi num 25 de dezembro, nós almoçamos, essa minha irmã de 2 anos brincava bastante, enfim, tudo bem, eu já frequentava a AD na época após sair da Adventista, minha mãe e irmãs não.

        Essa minha irmã mais nova, na noite desse dia 25, ficou um pouco doente, meio molinha, minha mãe resolveu ir até o PS e lá ela foi medicada, e ficou bem, eu acompanhava minha mãe, voltamos pra casa.

        No dia seguinte (26) pela manhã, foi à minha casa uma senhora da Umbanda, enfim, era vizinha nossa meio amiga da minha mãe, lá em casa ela começou a manifestar um espírito e dizer que iria levar essa minha irmãzinha, foi embora e não se falou mais nisso, eu me recordo do semblante, que ela fazia, até hj.

        Minha mãe (não é crente ainda), sempre foi muito mística ligada a horóscopos e tal, acabou ficando cismada com aquilo e fomos dormir, minha irmãzinha estava ótima.

        No dia 27 minha irmãzinha acordou mole, sem reação alguma, levamos ela ao hospital, naquele mesmo dia ela faleceu.

        Claro que difícil superar isso, mas as palavras daquela mulher vizinha sempre confortaram minha mãe, que apegou-se mais ainda aos horóscopos e afins após esse fato, diz ela que foi Deus quem a avisou antes.

        Eu pedia forças para Deus nos confortar, eu gostava demais dela.

        Convivi muito tempo com pessoas acorrentadas a horóscopos, são correntes diabólicas que só Deus para quebrar, desconheço outro remédio.

        Depoimento 2:

        Conheci uma jovem, em 1996 por ai, crente (CCB + roxa que a doma do Eleotério com o Joao1), o irmão dela é cooperador e tal, bom, num culto a noite ela ouviu após a leitura bíblica, mais ou menos assim: Que deus iria recolher uma das rosas para o seu jardim” (até ai normal em se tratando de cultos nossos).

        Bom, naquela semana o pai dessa jovem faleceu.

        Ela gosta de contar esse testemunho, não sei se ficou confortada com aquilo sei lá.Só sei que o pai dessa jovem não era crente, muito pelo contrário segundo o que ela mesmo me dizia, ele faleceu de cirrose hepática em razão de consumo exagerado de bebida alcoólica.

        Há irmãos assim no nosso meio CCB, não dão um passo sequer sem antes buscar a adivinhação no templo, como se a Bíblia fosse insuficiente para tanto, como se Cristo morresse à toa com tanto sofrimento na Cruz, produzindo crentes superficiais em matéria de conhecimento bíblico, que só se prestam a defender a placa CCB, deixando a salvação nas mãos de obras e conceitos divorciados da crença em Cristo.

        Ser cristão não é ter um conjunto de regras e ficar dizendo assim: isso posso fazer, aquilo não posso, esse eu posso…

        Quem tem o Espírito Santo sabe muito bem o que deve e o que não deve fazer.

        Sonia, são depoimento pessoais meus, os relatei sem medo de a magoar, você demonstra uma espiritualidade de dar gosto, meu receio são aqueles que frequentam esse blog e leem seu depoimento e tenham uma visão distorcida da realidade cristã e do Evangelho verdadeiro.

        Tentem ai os mais fanáticos CCB convencerem o cooperador e a irmã dele que o pai não era a rosa do jardim de Deus (com o devido respeito ao julgamento que só a Deus pertence, é claro), ou convençam a vizinha da minha mãe a largar a Umbanda após aquele fato com minha irmã.

        Se na época eu não fosse já alicerçado na Palavra certamente estaria na Umbanda pelo testemunho pessoal que passei ainda muito novo.

        Cristo liberta e quebra correntes.

        Pregação é na Palavra, e doutrina é seguir a Cristo.

        Ah ! Não acho que são uma leitura perniciosa esses meus relatos.

        Sou a favor de se condenar a leitura perniciosa, só acho que deveríamos era focar na leitura Bíblica para os irmãos não terem “tempo” de lerem as “perniciosas”.

        Agora agente não incentiva a leitura da Bíblia daí a irmandade lerá o que no lugar?

        A Paz.

        Claudio (ovelha, CCB min Brás, por enquanto)

        • irmão Claúdio , a Paz de Deus

          Eu não me magoei , pois eu sei que tudo isso que relatei veio da parte de Deus ! Lembrei-me daquela parte onde Jesus vinha caminhando sobre o mar e seus discípulos assustados gritaram: É UM FANTASMA! E não era ; era Jesus! Existem coisas no mundo espiritual que se Deus nos mostrasse , íamos ficar morrendo de medo , achando que fosse coisas de demonios! E não é…

        • E há coisas aqui também na Terra que… deixa para lá!

        • Irmão Claúdio , o meu pai ficou mais de 15 dias internado em estado comatoso. Depois em casa , ele contou-nos que teve várias experiências no mundo espiritual. Uma delas é que ele conversou com médicos que não eram aqui da Terra, que circulavam pelo hospital. Eram médicos espirituais que estavam ali para ajudar .Eram como anjos e falaram muito com ele sobre as coisas de Deus.

  21. Ronaldo disse:

    Irmão claudio, me explica melhor, então quer dizer que o adulterio e a formcação, não tem perdão, que Deus não perdoa igual a blafêmia? Temi seu cometario aquele que foi feito ao Hp. Estou tentando uma vida de santidade pura, quero herdar os céus e morro de medo de não ter maus jeito.

    • Caro Ronaldo.

      Em que céu o irmão deseja morar, no “céu-CCB” ou com Cristo, sentando-se à mesa com Abraão, Isaque e Jacó ?

      Quando me refiro a “céu-CCB” falo deste ai que coloca uma lista de exceções ao sacrifício de Cristo.

      Se o irmão duvida de que exista diferença entre esses 2 céus, procure alguem que caiu em adultério e confessou perante a CCB, veja se não cassaram o passaporte do fulano.

      Para não ficar repetitivo, o comentário do nosso amado HP, logo abaixo, está muito bem explicado.

      O Senhor é o seu auxílio e seu escudo Ronaldo, tome posse disso, nosso Deus não é de barro, de outro, prata, surdo, cego, servimos a um Deus vivo amado, o texto áureo da Bíblia é Jo 3:16 leia, creia e seja feliz.

      Vi esses dias escrito num muro de um templo da Universal do Reino de Deus e queria compartilhar com você Ronaldo e com todos CCB:

      “Pare de sofrer !”

      Espero ter respondido à sua pergunta.

      A Paz.

      Claudio (ovelha, CCB min Brás, por enquanto)

  22. Ronaldo disse:

    Irmão João e demais irmão, perdoe minha insistecia, mais falo do fundo da minha alma, eu estou me humilhando muito, meu joelho ja esta até calejado de orar, minhas lagrimas estÃo sendo meu sustendo, pergunto por medo, cai no erro por bobeiro, acho que nem foi intencional, não vigiei, sei que não é justo con quem nunca se desviou e fez a vontade da carne, mais o que estou passando para Deus ter misericórdia, quero acreditar que isso me faça digno de ante de Deus, e euentrar no reino dos céus, nem que eu for o último. Deus abençõe!

    • Ronaldo,

      Todos nós pecamos, e diante de Deus todos merecemos a morte da alma, mas Cristo veio para perdoar o pecador arrependido, levantar o abatido, restaurando e dando vida.

      Confesse teu pecado APENAS A CRISTO. Eu tambem confesso os meus apenas a Ele.

      O homem não perdoa. O homem cria regras, pega versos isolados e cria doutrinas que geram morte. Cristo pega o pecador arrependido e da a ele uma nova chance. Lembra da mulher adúltera? Os homens queriam apedreja-la, mas Cristo viu o arrependimento dela. Restaurou-a e ao fim disse para “ir e não pecar mais”.

      Então meu amado, confesse apenas a Cristo o teu pecado, e receba o perdão e restauração Dele. Va e não peques mais.

      Grande abraço e estarei orando por ti.

      Deus te abençoe meu irmão.

    • E saiba meu querido que nada que facamos pode nos dar vida eterna. Vida eterna nao é por obras, mas é por fé no sacrifício verdadeiro, unico, puro, perfeito, imaculado de Cristo na cruz.

      Então creia que Cristo pagou nossos pecados passados, presentes e futuros. Entregue tua vida a Cristo, não peque mais e viva na alegria do amor de Cristo.

      Grande abraço e estarei orando por você.

      • Irmão HP, você disse:
        “Entregue tua vida a Cristo, não peque mais e viva na alegria do amor de Cristo.”

        Agora fiquei feliz com o irmão, pois pregou o verdadeiro evangelho nessa frase. Parece que estamos começando a falar a mesma língua.

        Deus o abençoe

        • Joao.

          Nunca eu defendi pecado. Talvez vc nao tenha entendido no passado as minhas colocações.

          Precisamos nos arrepender de todos os pecados, seja um adultério ouum sentimento de inveja. Seja uma fornicação ou uma mentira.

          Precisamos nos arrepender e abandonarmos os nossos pecados, não para recebermos algo em troca, mas porque o amor de Cristo para conosco é tanto que nos compunge a abandonarmos os pecados e nos espelharmos Nele.

          Abraços e que Deus te abençoe!!

    • Irmão Ronaldo, se o que disseste for verdade, e não fingimentos, o Senhor que é misericodioso, lembrar-se-á de ti e te perdoará. Lembre-se sempre das palavras do Mestre que disse: “Porque qualquer que pede recebe; e quem busca acha; e a quem bate abrir-se-lhe-á.”

  23. Irmão Claúdio, quero relatar para o irmão o que aconteceu comigo. Lembro-me que após esse acontecimento comecei a interrogar alguns conhecidos o que poderia ser isso. Até que um dia , O Senhor Jesus me respondeu pela Sua Santa Palavra: voce fica interrogando este , aquele , mas hoje Eu vou responder este ponto de ? Eis o relato

    O que vou relatar aconteceu comigo há uns 12 anos. Foi um acontecimento inesquecível e vou procurar ser fiel aos detalhes.
    Não sei dizer com exatidão se isso aconteceu enquanto ainda estava dormindo, mas sei que já era de manhã e o dia estava bem claro.
    Recordo-me que estava deitada, quando senti uma certa claridade me envolver e começei a ouvir um som tipo um zumbido em minha cabeça. De repente tive consciência que estava viajando numa velocidade incrível por entre as nuvens e enxergava a luz da manhã iluminando-as. Podia vê-las com muita nitidez e sentia, devido a velocidade que estava, algo tocar o meu rosto como se fosse uma brisa. Digo rosto, mas não tive percepção alguma de ter um corpo, mas era como se eu fosse um “ponto de consciência” sem forma.
    Continuei aquela viagem por entre aquelas nuvens, numa sensação de leveza e liberdade sem igual.
    Não sei quanto tempo durou tudo aquilo, mas num certo momento, comecei a descer e senti que estava em um outro local, pude sentir a vibração daquele lugar. Era em um outro país.
    Fui descendo e me vi diante de uma casa e adentrei-a. Dentro dela havia uma senhora, de cabelos bem branquinhos, sentada em uma cadeira de rodas e junto a ela estava o seu filho, que cuidava dela. Interessante, é que não foi necessário eles me dizerem nada, pois já sabia tudo a respeito deles.
    Houve um diálogo entre nós três durante um certo tempo, e não sei por qual motivo , foi tudo apagado da minha memória. Sei que houve uma conversação a respeito de algum assunto, mas não consigo me recordar e todos os esforços para tal foram infrutíferos.
    Fique por algum tempo com aquelas pessoas. Houve uma despedida e de repente me vi de volta para a minha casa, numa velocidade espetacular por entre as nuvens.
    Não me recordo como voltei para o meu corpo, mas me lembro que ao abrir os olhos, senti minha cabeça muito leve e uma sensação de desorientação.
    Até hoje tenho registrado na minha memória o rosto daquela senhora. Era um rosto sereno e de grande espiritualidade. Senti que ela era um ser bastante evoluído. Sinto um carinho especial por eles, embora foi tirado de mim todas as informações sabidas a respeito deles.
    Como desejaria saber o conteúdo daquele diálogo que tivemos. Isso é um mistério em minha vida!

    Irmão Claúdio , não foi coisas de demônios não 1 …rss…

  24. Irmão Claúdio,

    O Senhor JESUS tem permitido de eu passar por algumas experiências para me mostrar
    o efeito prejudicial dos pensamentos e sentimentos negativos.Não foi fácil!
    Negativo atrai negativo e positivo atrai positivo! Mostrou-me também que nossos pensamentos
    e palavras possuem energia; por isso temos que tomar muito cuidado. Abençoar e nunca amaldiçoar!
    Mostrou-me ou melhor permitiu-me outras coisas o qual prefiro não comentar, pois ninguém ia acreditar mesmo!
    Jesus CRISTO possui , muito , muito inimigos espirituais e que têm ódio também daqueles que O amam e o anunciam aqui na Terra.
    Temos que orar sempre pedindo ao Senhor o dom de discernir! Enfim , resumindo , dou Glórias a Deus por ter enviado Jesus Cristo , nosso Salvador!!!
    Ele veio para nos resgatar do domínio “das forças do mal”, dos “seres rebeldes “e nos mostrar a Verdade , o Caminho e a Vida! ELE É A LUZ, que ilumina e mostra o caminho de volta
    para o Pai.Sem Ele , nada podemos fazer ou nos libertar!

  25. Parece loucura , mas tenho recordações de antes mesmo de encarnar aqui na Terra. Recordações do espírito! Sinto que não sou daqui ! Tenho “saudades” do Pai Celestial!Certa vez , estava deitada em comunhão com o Pai Celestial , quando senti um aproximação poderosíssima , e tive a sensação de que não estava mais aqui na Terra.Lembro-me que comecei a chorar convulsivamente , e saíam essas palavras do fundo da minha alma: PAI, me leva contigo! Não quero mais ficar aqui! Quero ficar Contigo , eu te amo! Senti um amor inexplicável tomar conta do meu ser, e depois Ele foi se afastando. Percebi que a Sua presença preenchia todo o universo! Senti sua compaixão , misericórdia e preocupação para comigo! Interessante é que não era só comigo! Era para com todos, sem acepção de pessoas! DEUS AMA A TODOS SEM ACEPÇÃO DE PESSOAS!

    • Claudio disse:

      Caríssima Sonia.

      Quando leio seus “posts” tenho a mesma sensação sua.

      Tente ficar conosco mais um pouco aqui na Terra, precisamos da irmã a nos ajudar pregar o Evangelho, pois como vão ouvir se ninguém fala ? Ajude-os e ajude-nos.

      A paz.

      Claudio (ovelha, CCB min Brás, por enquanto)

    • O amor DELE é tão imensurável que a gente procura errar menos só para agradá-Lo; e quando erro vou correndo aos Seus pés pedir perdão!

  26. Ronaldo disse:

    Irmão Hp Deus te abençõe!

  27. Ronaldo disse:

    Irmão Claudio me fala, o queo irmão disse…. Fiquei aflito! Embora o irmão Hp tem me confortado, mais queria entender ser comentário.

    • Claudio disse:

      Ronaldo.

      Para a CCB o adultério e fornicação não têm perdão, eu fico com a Bíblia que diz diferentemente.

      Foi apenas uma ironia aquele meu outro comentário, que o caríssimo não compreendeu, esquece.

      Salvação é no Sacrifício de Cristo, crê nisso ? Se você crer é salvo, caso contrário não, simples assim.

      O pecado só interessa ao seu adversário pra ficar te lembrando, é uma astúcia da parte dele para colocar em dúvida ou diminuir o Sacrifício de Jesus no madeiro, se Deus já esqueceu dos nossos pecados agente vai se prestar a lembrar ? Com qual finalidade me explique ?

      Ronaldo meu caro, seja um fenômeno nas mãos de Deus.

      Leia a Bíblia diariamente, essa é a sua pena por ter pecado, se o caro fizer isso, da minha parte você está perdoado.

      Seja um Lionel Messi das Escrituras.

      E que essas boas obras sejam um reflexo do Espírito Santo de Deus que habita em você, não fique dando uma de Madre Tereza pra ser beatificado, canonizado e se tornar mais um santo da Igreja Católica, tenho certeza que não objetiva isso, caso contrário tente fazer alguns milagres antes pois isso acelera o processo.

      Depois volte aqui e agente conversa mais.

      Qualquer outra dúvida, estamos à disposição.

      Meus protestos de elevada estima e consideração por você.

      A Paz.

      Claudio (ovelha, CCB min Brás, por enquanto)

    • Cristão Ortodoxo disse:

      Irmão Ronaldo a paz de Deus, amém. Sinto te falar que, não cabe a nós fazer juízo de valor em sua situação. E vc mesmo que tem que te avaliar como vc estar diante do Pai Celestial. Pois é ele que te dará um julgamento sincero e reto. Não te afliges pois e ele que tem poder de te salvar. Mas não caia no “canto da sereia” invocando para se a teoria da eleição incondicional, pois muitos tem se enveredado por esse caminho, não fazendo caso da busca incessante pela misericórdia de Deus, acreditando que foram escolhidos arbitrariamente por Deus para serem salvos a qualquer custo. Não sinta-se oprimido pela repreensão, pois o pai corrigi aquele que ele ama. Na verdade, aqui, o irmão não terá uma nova oportunidade de expiação (batismo) pelo seu pecado. Ma o que não pode ser mais remido pelo batismo, poderá ser purgado pela disciplina. Então naquele dia o irmão receberá de Deus o juízo justo, de acordo sua Fé e suas obras de cristão. Como disse o apostolo Paulo:

      …..Eu, na verdade, ainda que ausente no corpo, mas presente no espírito, já determinei, como se estivesse presente, que o que tal ato praticou, 1 Coríntios 5:3
      Em nome de nosso Senhor Jesus Cristo, juntos vós e o meu espírito, pelo poder de nosso Senhor Jesus Cristo, 1 Coríntios 5:4
      Seja entregue a Satanás para destruição da carne, para que o espírito seja salvo no dia do Senhor Jesus…..1 Coríntios 5:5

      E também os primeiros bispos (anciões) da igreja de Cristo:

      Aqueles que caíram em pecado depois do batismo são os que estão sujeitos à disciplina. Porque as obras feitas antes do batismo são remetidas (no batismo). No entanto, aquelas cometidas depois do batismo são purgadas (pela disciplina). Clemente de Alexandria (195 d.C.)

      Se um deve ser censurado é necessário também ser repreendido. Porque é tempo de ferir ao alma apática. Não mortalmente, senão saudavelmente, assegurando livrá-la da morte eterna por meio de uma pequena dor. Clemente de Alexandria (195 d.C).

      Deus vos abençoe.

      • Cruz credo – diria a avó do Cláudio estupefata!

        Gente do céu!

        Nem Clemente de Alexandria – seja com ‘patente’ de ancião ou de bispo – nem tampouco seus equivocados seguidores prestaram atenção no significado único e definitivo da Expiação na Cruz.

        Censura e repreensão não podem ser colocados dentro de um pacote religioso, onde dirigentes se dão ao direito de fazer acréscimos, invalidando a Palavra.

        Censura e repreensão por um erro que prejudica alguém ou a si mesmo estão muuuuuito longe de parecer com essa repressão religiosa e opressão psicológica que abatem a alma e que assolam os átrios religiosos.

        Nenhuma pessoa tem esse poder de abater a alma de outra pessoa.
        Pessoa alguma, líder algum, ministério algum!

        Pelo amor de Deus, gente!
        Esse ‘poder’ não é vindo dos céus! Eu repudio esse pensamento com todas as minhas forças! Não se pisa na cana quebrada nem no fogo que fumega – palavras de JESUS!

        Jesus cumpriu exatamente o que havia sido dito por meio do profeta:
        Ele tomou sobre si as nossas enfermidades e as nossas dores levou sobre si.
        Ele foi traspassado pelas nossas transgressões e moído pelas nossas iniquidades.
        O castigo que nos traz a paz estava sobre Ele!
        E pelas Suas pisaduras fomos sarados.

        Passou disso seja anátema, como disse Paulo aos insensatos e inconstantes gálatas, admirado por eles estarem passando tão depressa daquele evangelho que os chamou na Graça de Cristo para ‘outro evangelho’.

        Nenhuma cartilha religiosa tem o poder de invalidar essa promessa imutável que o Cordeiro de Deus fez para a justificação de TODOS que creem pela fé.

        Quem lê a carta de Paulo aos gálatas presta bem atenção nas seguintes questões retóricas:
        – Quem enganou vocês com um falso evangelho?
        – Vocês receberam o Espírito por causa da fé ou por causa das obras?
        – Você são só ingênuos ou insensatos mesmo?
        – Vocês ‘sentem’ que obras humanas devem ser adicionadas à obra do Espírito?
        – Por acaso vocês sofreram em vão?
        – Deus age em vocês pela lei ou pela fé?

        A obediência aos ‘mandamentos’ é o FRUTO da salvação e não o pré-requisito para a salvação.

        Ninguém é salvo ‘cumprindo’ toda a lei, até porque o próprio Jesus já disse que isso é humanamente impossível. Nós realizamos boas obras NÃO PARA SERMOS SALVOS, mas porque FOMOS SALVOS.

        Não existe uma penitência a cumprir, como nos imprimiu nas nossas mentes os nossos antepassados. Já morremos para isso, para viver para Deus. Estamos crucificados com Cristo. ‘Não sou eu quem vive, mas Cristo vive em mim; e, esse viver que agora tenho na carne, vivo pela fé no Filho de Deus, que me amou e a si mesmo se entregou por mim. (no meu lugar, portanto estou livre da dívida. Está consumado. Por mais que o religioso não entenda e não aceite, já está pago pois essa é A Aliança que Deus fez e pronto.)’

        Não anulo a Graça de Deus, pois se a justiça é mediante a lei, segue-se que morreu Cristo em vão. – diz Paulo aos gálatas ingênuos e resistentes, deixando bastante CLARO que a lei não justifica e tão somente serve como guia para a vida prática cristã. Deixando bastante CLARO ainda, que a justificação é um ato de Deus por meio de Cristo, tornando-se justo GRATUITAMENTE o que confia pela fé. Então, onde entra o dedinho sujo do homem nisso?

        • Cristão Ortodoxo disse:

          Irmã Regina, vc não quis discursar sobre a admoestação do apostolo Paulo aos coríntios. Pegou o trecho referente ao bispo Clemente de Alexandria, criticando-o sem ater-se ao real significado das palavras de Clemente. Quando digo que reforçar a valorização da Fé sem as obras é um discurso gnosticista, vc me traz referencias do Wikipédia, que qualquer leigo no assunto pode atualizá-lo ao seu bel prazer. Mas continuo batendo na mesma tecla, esta tática de coletar trechos bíblicos destoando-o do contexto histórico, e querer formular uma teoria, já é conhecido desde os primeiros dias do cristianismo. Pois as seitas cristãs gnósticas faziam isso, inclusive, elas formularam o primeiro cânon cristão desprezando algumas epístolas do apostolo Paulo e a a epístola de Tiago, e sistematizaram os primeiros estudos bíblicos da época para tornar suas teorias mais convincentes. Para eles a fé e suficiente pois foram escolhidos por Deus para serem salvos. Esta fé que eles exercitavam era o dito conhecimento (gnose) dispensado por Deus para eles. E que uma vez na graça, nada lhes tirariam o conhecimento e a salvação, pois foram eleitos incondicionalmente.

          Deus abençoe.

          • Cristão ortodoxo, o seu texto me traz preocupação, com você e todos quantos seguem sua linha de raciocínio. Primeiramente você vincula a “FÉ” (tida para os reformados – e na bíblia – como o instrumento para salvação que é pela graça de Deus) com a “GNOSE” dos gnósticos. Sinceramente não tenho pesquisado algo profundo sobre os gnósticos, mas pelo pouco que li, GNOSE seria um “conhecimento intelectual” para se salvar do pecado e da ignorância. A Fé não tem relação nenhuma com “gnose”, a Fé é um dom de Deus e o “o firme fundamento das coisas que se esperam, e a prova das coisas que se não veem” – Hebreus 11:1. Sim, a fé que os protestantes pregam como instrumento para a salvação é essa de Hebreus 11. Note ainda nesse capitulo que todos os crentes do antigo testamento alcançaram salvação através da fé no Messias prometido.
            Nos seus comentários, tenho a impressão de que você generaliza como se todos os crentes que não pregam salvação por obras seguissem o conceito da PREDESTINAÇÃO calvinista (TULIP), precisamos fazer algumas distinções…
            Fazendo um parêntese, particularmente me considero “calvinista”, mas tentarei ser neutro em minha exposição a seguir para explicar o pensamento de algumas correntes cristãs.
            Luteranos – São monergistas, depravação total, eleição incondicional, justificação de todos quantos crerem, consideram possibilidade de apostasia;
            Calvinistas – Monergistas, depravação total,eleição incondicional, graça irresistível, justificação dos eleitos, perseverança dos santos (um verdadeiro regenerado não aposta da fé).
            Arminianos – Sinergistas, depravação total (mas não anula o famoso “livre-arbítrio”), eleição por presciência, justificação possível a todos, preservação condicional, possibilidade de apostasia.
            Armiraldismo – “Calvinismo de quatro pontos” – expiação ilimitada.
            Note que nesses grupos a maneira de entender a predestinação e possibilidade de apostasia são diferentes entre si, porém nenhum deles negam a FÉ como instrumento para a salvação (inclusive os arminianos).
            Salvação por obras é Pelagianismo ou Semi-pelagianismo. Tenho impressão que suas ideias se assemelham com as deles.
            Falando em possibilidade de apostasia, o engraçado é que geralmente na bíblia ela está ligada em não considerar o sacrifício do nosso Senhor Jesus suficiente para salvação, ou seja necessidade de cumprir as obras da lei para salvação (ver Hebreus 6). Esta é minha grande preocupação com os que não compreendem que a salvação (do começo ao fim) é pela graça.
            Detalhe que o apóstolo Paulo não considera que somente a conversão, (ou mais absurdamente o passar pelo batismo) se dá pela fé e depois você se mantem a esperança de salvação através das obras, pelo contrário ele nos ensina a perseverança e segurança da salvação pela FÉ (ler Gálatas 3 http://www.bibliaonline.com.br/acf/gl/3).
            Quanto à carta de Thiago, já demonstrei minha opinião em outro post (obras é evidencia e não causa da salvação).
            Sobre o pecado. Podemos fazer uma analogia, todo pecado é como uma doença, existem doenças mais graves e menos graves, porém todas conduzem a morte. Embora acredite que existam pecados mais graves que outros, qualquer um deles, aliais, o menor deles nos torna dignos da morte eterna. Assim como Deus tem poder de curar tanto uma gripe quanto um câncer, o sacrifício de nosso Senhor Jesus Cristo nos livra de todo pecado e já não nos resta condenação.
            Sobre a correção de Deus e a disciplina na igreja. A correção de Deus e a disciplina aplicada aos membros da igreja, não nos purga os pecados (como alguns afirmam, cometidos após o batismo), mas nos conduz ao arrependimento e a nos achegarmos a Deus, nosso estado de justiça se mantém pelo sacrifício de nosso Senhor, por sua graça, através da fé. O Senhor Jesus tomou todos nossos pecados (passados, presentes e futuros), como diz no hino “It’s well with my soul”: “Meu pecado por inteiro, não em parte, está cancelado, está cravado na cruz…” (tradução livre). Essa ideia de se purgar pecados através da disciplina me lembra a “penitencia” dos católicos romanos.
            Sobre a lei de Deus. Todos os mandamentos tanto no velho como no novo testamento são a Lei de Deus e nossa referência. Andar na lei de Deus é nosso deleite, porém não nos dá salvação, salvação é pela graça. A parte cerimonial foi simbólica e se findou na morte do nosso Senhor. A Lei civil terminou junto ao antigo Israel. Todo o restante da lei deve ser nossa referencia, porém sabemos que o Salvador nos livrou da condenação da lei, pois não temos como guarda-la por inteiro.
            Mudando um pouco o tema, observo que muitos tentam inserir uma continuidade apostólica a CCB, através dos valdenses. Bom, a Igreja de Deus não se limita a quatro paredes nem a denominação alguma. Não conseguimos prender ou limitar o Espírito Santo a estar somente entre nós, Ele é livre, Deus opera onde quer. A Igreja de Deus é formada por todos que nasceram novamente, por todos que O adoram em Espírito e verdade. Se formos observar, todas Denominações atuais nasceram de várias misturas e correntes do cristianismo. Os valdenses mesmo se uniram aos reformados, tanto que a igreja de fé valdense onde o ir. Luigi Francescon foi diácono e ancião era bancada pelos presbiterianos americanos.
            Pena que às vezes reparos em alguns irmãos uma das piores combinações possíveis: Moral puritana + perfeccionismo wesleyano + soteriologia pelagiana, o que resulta num legalismo extremo…
            Peço perdão se alguém se sentir ofendido, e que se tudo isso que escrevi não passar de equivoco, que Deus me perdoe e me ilumine por Sua Palavra, a Bíblia. Entretanto que meus comentários possam servir de reflexão e esclarecimento aos pregam salvação por obras. Paz de Deus.
            Danilo

          • Entre a crítica simplesmente pela crítica, recheada de colocação vaidosa, confusa e boçal, fico com a consulta de um ‘leigo’. É uma escolha pessoal que me cabe livremente, por mais tecla enferrujada que se queira bater.

          • Cristão Ortodoxo disse:

            Irmão Danilo, suas colocações estão devidamente fundamentadas, inclusive, a listagem de correntes cristãs filosóficas que chegaram ao nosso conhecimento nos dias de hoje. O grande viés da questão, é que por motivos outrora desconhecidos, nos ensinaram apenas parte da história religiosa. O que conhecemos hoje é produto dos movimentos da reforma protestante, luteranismo, calvinismo, puritanismo etc…. Não que a reforma protestante foi um movimento inidôneo; mas teve suas limitações, pois deixou o legado do “EU” incutido na mente de seus colaboradores. Mas como mencionei acima, nós conhecemos apenas parte da história, a saber; a igreja constantiniana (ICAR) e a reformada oriunda desta primeira. Os escritos cristãos do séc I ao III, não são de interesse destas duas correntes. A ICAR reclama seu direitos autorais sobre tais escritos, mas seus dogmas não são congruentes ás tradições neles contidas; resumindo, queriam limitar sua divulgação, até porque, em nada acrescenta suas ideologias. Já o protestantismo, como é um produto de uma mesma raiz, também não deu enfase a tais escritos pois também não corroboram com suas convicções. Resumindo, os escritos primeiros cristãos, em sua quase totalidade, não coadunam com os dogmas católicos e protestantes; principalmente nos termos de Fé, obras e salvação. Tinham eles uma grande facilidade em interpretar as escrituras sagradas, sem contradição alguma entre epístolas. Rejeitavam as teorias: da eleição incondicional, da salvação somente pela “Fé” sem necessidade das obras, as penitências (doutrinas ascéticas, sofrimentos corporais) e a teoria da depravação total. Pregavam a busca incessante pela santidade, repreendiam os néscios na fé, rebatizavam os cristãos oriundos das seitas cristãs gnósticas, guardavam as tradições cristãs de uso e costumes etc… vejam:

            Livre-arbítrio Séc I ao III.
            Não fomos criados para a morte, senão que morremos por nossa própria culpa. A liberdade nos perdeu; escravos ficamos os que éramos livres; pelo pecado fomos vendidos. “Nada mau foi feito por Deus, fomos nós os que produzimos a maldade; e os que a produzimos, somos também capazes de recusá-la.” Taciano (160 d.C.)
            Nós, os que nascemos recentemente, recebemos o crescimento do que é perfeito e anterior a toda a criação, e o único bom e excelente; e a semelhança daquele, para obter dele o dom da incorruptibilidade, já que fomos predestinados a existir quando ainda não existíamos, segundo o presciência do Pai; e começamos a existir pelo ministério do Verbo nos tempos prefixados. Irineu (180 d.C.)

            Um homem que trabalha só para libertar-se de seus desejos pecaminosos nada consegue. Mas se ele manifesta seu afã e seu desejo ardente disso, atinge-o pelo poder de Deus. Deus colabora com os que almejam sua ajuda. Mas se perdem seu anseio, o Espírito de Deus também se restringe. Salvar ao que não tem vontade é um ato de obrigação, mas salvar ao que sim tem vontade é um ato de graça. Clemente de Alexandria (195 d.C.)

            Não a Depravação total.

            Certos homens (os hereges) que sustentam ideias contrárias, interpretam mau estas passagens. Eles destroem o Livre arbítrio ao introduzir (a ideia) de uma natureza pecaminosa e incapaz de salvação; enquanto sustentam que outros podem ser salvos, de tal forma que não podem perder a salvação. Orígenes (248 d.C.)

            Fé + Obras.

            E bem como Abraham creu à voz de Deus e lhe foi contado por justiça, também nós cremos à voz de Deus, pois nos falou novamente por boca dos Apóstolos de Cristo, depois que foi anunciado pelos profetas, e por essa fé renunciamos até a morte a todas as coisas do mundo. Justino Mártir (160 d.C.)

            (Segundo os hereges) o batismo não é necessário, pois basta a fé. Tertuliano (197 d.C.)

            A este Filho o Pai revelou para manifestar-se a si mesmo por ele, e para receber no eterno refrigério aos justos que acreditam em ele, pois acreditar em ele significa fazer sua vontade. Irineu (180 d.C.)

            Os gentis, pela fé em Cristo, preparam para si a vida eterna mediante as boas obras. Hipólito (200 d.C.)

            Disciplina

            Aos que vivem no pecado, repreende-os na presença de todos, para que também os outros tenham temor. 1 Timóteo 5:20.
            Se um deve ser censurado é necessário também ser repreendido. Porque é tempo de ferir ao alma apática. Não mortalmente, senão saudavelmente, assegurando livrá-la da morte eterna por meio de uma pequena dor. Clemente de Alexandria (195

            Rebatismo.
            Entre nós se pratica e sustenta que todos os que se convertem à igreja de qualquer heresia, devem ser batizados pelo único e aprovado batismo da igreja, com a exceção dos que já tinham sido batizados dentro da igreja (e depois se uniram aos hereges). Cipriano (250d.C.)

            Irmão Danilo, o mais incrível é que os cursos de teologia oferecidos por nossas instituições, não preveem em sua grade curricular praticamente nada a respeito do cristianismo pré- constantiniano, e nem fomenta o estudo de tais escritos. Conversando com um teólogo, professor de seminário e pastor presbiteriano sobre estes escritos, o mesmo demonstrou total desconhecimento do assunto, e disse apenas que estes escritos foram adulterados pela ICAR para dar respaldo aos seus dogmas. Acredito que a interpretação das escrituras sagradas destes primeiros cristãos são as que mais aproxima do sentido real o qual foi escrito, pois muitos deles conheceram o apostolo João ou algum bispo que viveu ainda nos dias apostólicos……

        • Correção: ‘pavio que fumega’

          • Regina, em algum momento eu menosprezei, esnobei ou desmereci a maneira de você se expressar nos seus comentários?

            Numa discussão não seria melhor focar no assunto do que na maneira de expor o assunto?

            Você achou minha argumentação “recheada de colocação vaidosa, confusa e boçal”. Tenho só mais uma pergunta: E?????????????????

        • Cristão Ortodoxo disse:

          ….e apenas rejeitá-los, é um grande equívoco, pois estaremos abraçando um cristianismo moderno moldado por homens que nem se quer teve a ousadia de refutar as apologias feitas por estes cristãos. Dizer que pregar uma fé consubstanciada com as obras, é pregar a lei não faz sentido, pois, a lei não veio acompanhada com a Fé. O apostolo Paulo em suas epístolas, principalmente aos Gálatas e aos Romanos, direcionava boa parte de seus discursos aos judeus convertidos, pois estes ainda continuavam sob o jugo da lei mosaica, e pior, queriam que os gentios convertidos também assim o fizessem. Por isso que Paulo dava enfase a diferenciação entre a Lei e a Graça. Para os gentios, a Lei não tinha nenhuma aplicabilidade, até porque, pouco, eles conheciam sobre os rituais morais, cívicos e cerimoniais, então não teria motivo algum para que Paulo admoestasse os gentios sobre tal Lei. Devido o sentimento anti-semita, nós acreditamos que poucos judeus se converteram, mas isto é um grande equívoco, pois o cristianismo virou uma febre nas sinagogas judaicas, principalmente as mais longínqua de Israel. Os fariseus foram os maiores colaboradores do cristianismo na pregação do evangelho em terras alheias. Por isso que o jovem Saulo perseguia os cristãos fora de Israel(Damasco), pois as sinagogas do gregos(judeus helenistas) abraçaram o cristianismo com grande fervor, é tanto que o discípulo Estevão foi o primeiro grego a virar mártir.
          Então diante o exposto só me resta dizer que os principais dogmas das correntes protestantes aqui mencionadas, nada mais é do que reinterpretações de doutrinas outrora combatidas e reconhecidas pela ala ortodoxa cristã como apostasia.
          Deus vos abençoe.

  28. Irmão Ronaldo , a paz de DEUS,

    Meu DEUS , eu não sou nada , Deus conhece o meu coração ! Mas quando eu li seu comentário , senti algo muito bonito vindo do irmão , algo como “busca pela santidade” , espírito humilde …não dá para explicar! Não se desespere ! Siga enfrente! O passado serve como lição para aprendermos e melhorar sempre o nosso futuro! Nosso Pai é cheio de compaixão e nenhuma de suas lágrimas passou despercebido por Ele! Sua alma vai brilhar mais e mais! NÃO DESANIME!

  29. Irmão Ronaldo querido,

    Pude sentir o seu sofrimento interior e sua humilhação e lágrimas vieram aos olhos! Deus te ama e muito e está pronto para oferecer a Sua Mão no que for preciso! POR FAVOR, não de ouvidos as acusações de Satanás , ele é mentiroso! Ele se aproveita no momentos em que estamos mais fracos para nos derrubar e ainda coloca um peso por cima para não levantarmos! Olhe somente para JESUS , Ele é seu melhor amigo !

  30. Irmão Ronaldo , voce é um filho de Deus muito querido e Ele não quer te perder!

    Quero te deixar um relato com muito amor , que aconteceu comigo e serve para todos nós! Pense nisso!

    Aconteceu à uns 7 anos atrás. Estávamos numa cidade do interio, na casa da minha sogra, eu, meu esposo e meus filhos. Após o almoço, um pouco cansada, fui me deitar num dos quartos que fica nos fundos. Comecei a elevar meus pensamentos à Deus , nosso Pai Celestial, meditando Nele, quando de repente comecei a sentir a Sua presença, Seu Espírito pousar sobre mim, e uma sensação indescritível de amor, por parte dele, começou a envolver todo o meu ser, numa explosão de paz e alegria. Senti que estava numa comunhão e ligação intima com o Pai celestial, e em certo momento , em pensamento , perguntei-lhe se “Ele não se esquecia de mim!”. Senti fluir pela minha mente, como um pensamento, ou uma compreensão, não sei bem que expressão usar, mas entendi isso: “Hoje mesmo vou te provar que não me esqueço de tie de nenhum dos meus filhos” Levantei-me, fui lá para frente para conversar com o pessoal, e acabei esquecendo desse ocorrido.
    Quando foi à noite, já na estrada, meus filhos estavam dormindo no banco de trás do carro, então meu esposo diz:
    – Bem, hoje presenciei algo muito interessante!
    Perguntei-lhe o que era e ele continua:
    – Sabe aquela oficina mecânica do lado da minha mãe? Eu estava lá conversando com o mecânico, quando avisto no fundo do salão uma cachorra com 6 filhotinhos ao lado dela. A cachorra se levanta, vai se deitar um pouco mais para frente, e 5 cachorrinhos vão atrás para poder mamar, mas o outro, o sexto, não consegue se levantar para ir junto à ela. Ficou lá quietinho. Fiquei só observando. Depois de certo tempo, aqueles cachorrinhos, já saciados, acabam adormecendo, e eu preocupado com o outro cachorrinho, pensei: será que ela não vai amamentá-lo também? Quando de repente a cachorra se levanta, dá uma volta no salão, e vai se deitar bem do lado daquele cachorrinho, que se achava isolado, para que ela também pudesse amamentá-lo. Achei esse gesto lindo!
    Meu esposo continua:
    – Ela não “esqueceu” daquele filhote!
    Quando meu esposo usa essa expressão, sou despertada por uma voz, um pensamento bem claro em minha mente: “se esse animalzinho, que Eu criei, não se esqueceu do seu filhotinho, porventura Eu Me esquecerei dos meus filhos?”

    DEUS NÃO SE ESQUECEU E NEM SE ESQUECERÁ DO IRMÃO!

  31. Ronaldo disse:

    Claudio me perdoa, Deus abençõe, vi seu comentario respondido lá em coma só depois. Vou parar de sofrer!!!!! Rs… Deus abençõe.

  32. Ronaldo disse:

    Corrigindo: lá em cima.

  33. Irmão Claúdio , a paz de DEUS

    No meu comentário acima ref. esse trecho”Jesus CRISTO possui , muito , muito inimigos espirituais e que têm ódio também daqueles que O amam e o anunciam aqui na Terra.” Esqueci de mencionar que temos uma proteção maravilhosa e o diabo não pode nos tocar ao não ser com a permissão de Deus como aconteceu com Jó. Há pessoas que estão num grau de santidade e espiritualidade tão grande que se os espíritos lhe tocarem são queimados , ou seja como se colocassem as mãos no fogo. Depois quero te contar(agora estou uma correria aqui em casa rss… aprontar o café para meu esposo e filhos , almoço , etc…) algo que aconteceu conosco há alguns anos. Nunca vou me esquecer! Deus te abençoe meu irmão!

    • Ufa , sobrou um tempinho O que vou relatar aconteceu há alguns anos

      Já era noite , fui para o meu quarto, fiz a minha oração e deitei-me para dormir.
      Fiquei acordada num estado de meditação, preenchendo minha mente somente com pensamentos positivos e numa comunhão maravilhosa com o Pai Celestial.
      Foi quando de repente, vi um espírito magro, alto, vestido com uma capa preta até os pés caminhando em minha direção. Havia muito ódio naquele ser.
      Naquele momento não esbocei nenhum tipo de reação, nem física e nem mental , mas sei que minha alma implorou ajuda aos os céus.
      Quando aquele espírito já estava se aproximando de mim, vi descer algo como se fosse um “poço de luz” muito forte entre eu e aquele ser, separando-nos um do outro.
      Embora aquela luz fosse de um grande resplendor, consegui enxergar do outro lado com toda a clareza. Percebi a surpresa estampada na face daquele espírito. Aquele ser diante daquela poderosa Luz , virou as costas para mim e foi embora.
      Quando já me encontrava fora de perigo , aquela luz foi retirada.

  34. ufa , sobrou um tempinho

    O que vou relatar aconteceu há alguns anos

    Já era noite , fui para o meu quarto, fiz a minha oração e deitei-me para dormir.
    Fiquei acordada num estado de meditação, preenchendo minha mente somente com pensamentos positivos e numa comunhão maravilhosa com o Pai Celestial.
    Foi quando de repente, vi um espírito magro, alto, vestido com uma capa preta até os pés caminhando em minha direção. Havia muito ódio naquele ser.
    Naquele momento não esboci nenhum tipo de reação, nem física e nem mental , mas sei que minha alma implorou ajuda aos os céus.
    Quando aquele espírito já estava se aproximando de mim, vi descer algo como se fosse um “poço de luz” muito forte entre eu e aquele ser, separando-nos um do outro.
    Embora aquela luz fosse de um grande resplendor, consegui enxergar do outro lado com toda a clareza. Percebi a surpresa estampada na face daquele espírito. Aquele ser diante daquela poderosa Luz , virou as costas para mim e foi embora.
    Quando já me encontrava fora de perigo , aquela luz foi retirada.

  35. As dimensões superiores do mundo espiritual estão repletas de cousas belas. É de uma beleza indescritível. Lá, nos tornamos como crianças, vivendo como se fosse numa esfera de sonhos. Por isso Jesus disse: “Se não tornardes como crianças, de maneira nenhuma entrareis no reino de Deus”.
    Os espíritos que habitam essas dimensões possuem qualidades que lhe são naturais: amor, paciência, mansidão, humildade e muita paz. São espíritos felizes, deliciosos, atraentes, cheios de vida, que só sabem amar.
    Mesmo vivendo nesse corpo tão denso, podemos carregar dentro de nós um pouquinho dessa felicidade que não tem dinheiro que paga; e o sentimento de união, amor e paz para com tudo que Deus criou.
    Assim era o meu pai: um homem que carregava um pedaço do céu dentro de si. Amava o Senhor Jesus de todo o coração e alma. Chegou num grau de espiritualidade e sensibilidade tão grande que às vezes não tinha coragem de matar um inseto; só se fosse mesmo necessário, por representar alguma ameaça para a saúde ou higiene.
    Os pássaros pareciam conversar com ele. Sua casa vivia cheia deles, e não se assustavam com a sua presença.
    Tinha visões quase que constante dos seres do mundo espiritual. Certa vez, ele nos contou que estava sentado na sala meditando, quando viu adentrar uma bela menininha com um vestido rosa, de renda, cheio de pedrinhas brilhantes. Seus cabelos eram dourados, cacheados, seus olhos eram de um azul anil, brilhantes. Ele chegou a se levantar do sofá para abraçá-la, mas ela apenas lhe sorriu e desapareceu em seguida.
    Meu pai era amigo de Deus; conversava com Ele como conversamos com nossos pais, aqui na Terra; e tinha sempre suas orações respondidas.
    Essa experiência que vou narrar, aconteceu há uns 15 anos atrás.
    Temos uma pequena propriedade no interior com algumas plantações de limão, goiaba, manga, laranja etc… que quando vamos para lá nos fartamos de comer.
    Nessa época, meu pai, minha mãe e minha falecida irmãzinha, tinham viajado para lá para ver como estavam as coisas: era preciso fazer algumas podas nas àrvores, retirar folhas sêcas e podres, e fazer uma limpeza no terreno.
    Chegando lá, mais tarde, indo verificar a plantação, observou que o pé de limão estava cheio de formigas picotando as folhas e as levando para o formigueiro. Eram milhares de formigas descendo o pé de limão com pequenos pedaços de folhas, e lá, no chão de terra, formavam aquela fileira imensa em direção ao formigueiro. Meu pai se entristeceu muito quando viu tudo aquilo.
    Algumas pessoas aconselharam a jogar veneno no formigueiro, outras aconselharam a jogar querosene e atear fogo. E assim foram vários os conselhos para exterminar as formigas; mas meu pai não tinha coragem de fazer isso. Ficava observando aqueles bichinhos carregando aquelas folhinhas com tanto sacrifício e esforço… e sentiu pena. Resolveu não jogar veneno.
    Quando foi à noite, orou para o Pai Celestial com muita simplicidade, e expôs-Lhe a sua sensibilidade em relação aos bichinhos, que não queria matá-los, implorando uma outra solução para o problema.
    Nessa casa do interior há 2 degraus para ir até a cozinha. No dia seguinte, logo cedo, ao abrir a porta da cozinha, quando ia descer os degraus, levou um susto: os degraus estavam tomados pelas formigas. Eram tantas as fomigas que forrou todo o cimentado dos degraus.
    Ele, vendo aquilo, ficou boquiaberto, sem entender nada. Interessante é que elas não subiam até a cozinha. Estavam todas paradas como se estivessem esperando algo.
    Nisso, uma voz através de pensamento vem na mente do meu pai: “Você não orou pedindo que elas fossem retiradas do pé de limão? Agora elas estão aí, esperando você lhes dar um outro tipo de alimento”.
    Meu pai, meio que anestesiado, chamou a minha mãe para ver, e foram em busca de algum alimento para as formigas. Acharam alguma coisa, um tipo de alimento, os fragmentaram e jogaram no chão, abaixo dos degraus, depois se retiraram…
    Mais tarde foram ver o que estava acontecendo:
    Viram uma fileira de milhares de formigas carregado aqueles minúsculos alimentos que haviam sido jogados para o formigueiro.
    Até o dia de hoje, nunca mais as formigas atacaram aquele pé de limão.

  36. Embora não seja melhor do que ninguém e nem merecedora , Deus pela sua grande misericórdia tem me mostrado um “pouquinho” dos céus , e dos seres celestiais que habitam nele.

    Já era bem tarde da noite, fiz a minha oração para dormir. Quando já estava deitada, tive a visão do rosto de um espírito bem próximo a mim. Comecei a me sentir muito mal, uma aflição de alma inexplicável. Senti que estava perdendo minha mente, a ponto de não saber mais onde estava… Aquele espírito veio para me destruir!
    Lembro-me que em mente comecei a fazer uma oração em desespero ao Senhor Jesus, que Ele me socorresse… Minha alma estava aflita. Orei, orei, orei… quando de repente vejo vindo em minha direção, flutuando, uma moça gloriosamente bela, parecia toda iluminada, cabelos longos de onde saiam como faíscas douradas de seus cabelos, num vestido longo, parecia feito de um tecido cintilante prateado-azul. Seu rosto brilhava, ela era linda! De repente notei que aquele espírito desaparecera imediatamente…
    Uma paz intensa invadiu o meu ser. Fiquei contemplando aquela moça por alguns instantes. Ela não me passou nada mentalmente. Ela apenas chegou, humildemente. Senti todo o seu ser: era de uma pureza, uma bondade, humildade… sem igual. Comecei a chorar que queria ficar com ela. Tive a sensação que já a conhecia há muito tempo, mas ela se foi…
    Passei dias meditando naquele ocorrido, e todas as vezes que me lembrava dela, chorava copiosamente.
    Diante dessas visões, percebo o quanto ainda sou imperfeita, o quanto sou um nada diante desses seres tão puros. Busco, através das orações, as virtudes do Pai Celestial, pois almejo intensamente o aperfeiçoamento da minha alma.
    O que me chamou a atenção foi a sua humildade. Ela não chegou dizendo mentalmente “Vim aqui para afastar esse espírito!” Não! Só a sua presença fez isso.
    Foi muito marcante para mim. Foi uma lição sobre amor, humildade e pureza.

  37. Priscila ss disse:

    Duvida: em cima do assunto do irmão márcio, e quem não for arrebatado? É porque não foi salvo? É porque não estava preparado? Vamos supor que vc não foi arrebatado, ai vc já pode se desesperar? Quero apenas entender essa parte, porque a di arrebatamento ja esta bem explicada!

    • Márcio José Sérgio Ermida disse:

      Cara irmã Priscila, paz de Deus.

      Não sou especialista no assunto, mas o pouco que conheço tentarei dividir. Peço paciência, por que de memória não consigo decorar versículos.

      Quem não for arrebatado, se formos falar o português coloquial, pode colocar as barbas de molho. Pois em Apocalipse estão descritos vários acontecimentos que ocorrerão pós-arrebatamento, como as sete taças, os anjos, etc. Durante os sete anos de tribulação, quem for cristão, será duramente perseguido, preso e morto, como já ocorre em alguns países hoje, só que na Tribulação será mais forte. Nessa época, sim, todas as igrejas cristãs serão fechadas, os cultos serão escondidos (na China hoje, cultuam em montes e cavernas em algumas cidades, na Coréia do Norte, nem isso).

      Como se não bastassem as pragas, forçarão uma identificação com o número 666, e quem não tiver essa identificação será preso, não poderá comprar ou vender.

      Enfim, a ira de Deus estará sobre a Terra, retirando Sua Igreja e o ES que hoje em dia impede ações piores do inimigo contra quem O serve. Quem se converter nesses sete anos terá de enfrentar dura perseguição, por isso que bem-aventurado será quem for na primeira ressurreição, os mortos que forem ressuscitados no arrebatamento, pois a segunda ressurreição será para a condenação de quem negou o nome do Senhor.

      Tudo isso serve para Deus provar ao homem, que por sua força (obras) NUNCA conseguir se salvar:

      – A Lei veio para mostrar isso;
      – Na dispensação da Graça, só Cristo salva, mas tem gente teimando em dar uma mãozinha a Ele;
      – Nos sete anos de tribulação, na hora que a porca torcer o rabo, muita gente vai apostatar (Deus nos livre de estar lá);
      – Nos mil anos de paz, o homem terá tudo do bom e do melhor, moço vai ter 100 anos e tal, mas no final dos mil anos, quando Sataná for solto, vai iludir muita gente, que vai… apostatar, mesmo vivendo debaixo de bênção.

      Ou seja, em nenhuma dispensação, o homem foi capaz de se ajudar a se salvar, mesmo Deus dando todas as chances, o ser humano vai continuar na sua miserável condição de pecado.

      Irmão HP

      Ainda nã tive tempo de entrar nos links, mas creio que os números em Apocalipse não são simbólicos, pois está revelado também uma parte em Daniel. Creio na linguagem simbólica do dragão, da mulher montada na besta, do animal com dez chifres, mas sou contra uma linha teológica (não vc, meu irmão) que tende a “simbolificar” (rsrsrsrsrs,inventei agora) os números na Bíblia, taxando até alguns como exagero de escribas.

      Deus abençoe, e nos dê discernimento (e que enha a EBD< Seminários, etc! Vamos estudar a Biblia!)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: