É ler para crer!

CC angola

A CONGREGAÇÃO CRISTÃ EM ANGOLA é uma das poucas igrejas de origem brasileira que não foram proibidas de exerceram suas atividades atividades pelo governo de Angola, comentou Fernando Silva do grupo International Christian Congregation em página do Facebook.

Segundo artigo da Folha de São Paulo, “O governo de Angola baniu a maioria das igrejas evangélicas brasileiras do país.

Segundo o governo, elas praticam “propaganda enganosa” e “se aproveitam das fragilidades do povo angolano”, além de não terem reconhecimento do Estado.

“O que mais existe aqui em Angola são igrejas de origem brasileira, e isso é um problema, elas brincam com as fragilidades do povo angolano e fazem propaganda enganosa”, disse à Folha Rui Falcão, secretário do birô político do MPLA (Movimento Popular de Libertação de Angola) e porta-voz do partido, que está no poder desde a independência de Angola, em 1975.

Cerca de 15% da população angolana é evangélica, fatia que tem crescido, segundo o governo.

Em 31 de dezembro do ano passado, morreram 16 pessoas por asfixia e esmagamento durante um culto da Igreja Universal do Reino de Deus em Luanda. O culto reuniu 150 mil pessoas, muito acima da lotação permitida no estádio da Cidadela.

O mote do culto era “O Dia do Fim”, e a igreja conclamava os fiéis a dar “um fim a todos os problemas que estão na sua vida: doença, miséria, desemprego, feitiçaria, inveja, problemas na família, separação, dívidas.”

O governo abriu uma investigação. Em fevereiro, a Universal e outras igrejas evangélicas brasileiras no país — Mundial do Poder de Deus, Mundial Renovada e Igreja Evangélica Pentecostal Nova Jerusalém– foram fechadas.”

Anúncios

Comentários em: "Uma notícia sobre a CCAngola" (11)

  1. Márcio José Sérgio Ermida disse:

    Olá, paz de Deus.

    Precisamos ter senso crítico, sim, e direcioná-lo sob a guia do ES na condução da nossa fé e evangelização, até nas exortações da Palavra de Deus. Porém, eu espero que esse fato da notícia não venha corroborar o falacioso exclusivismo reinante em nossa denominação, já que a “única” igreja que não foi expulsa foi a CCB.

    Devemos lembrar que existem outras denominações que não foram expulsas, e lembrar do maravilhoso trabalho adenominacional desenvolvido pelo Ministério Portas Abertas no continente africano e no Oriente, junto a irmãos perseguidos, que não podem sequer ser descobertos por serem cristãos. Irmãos esses que servem a Deus em outras denominações e são nossos irmãos em Cristo, a despeito das já mofadas “justificativas” para o exclusivismo ccbiano que nos emperram de nos mobilizarmos por esses servos perseguidos. Que essas expulsões não venham ser pretexto para um desvio de foco nas perseguições que assolam nossos irmãos africanos e os de outros países que vão lá como missionários e também são perseguidos.

    Deus abençoe a todos nós, e venha derrubar o espírito de segregacionismo e exclusivismo onde quer que ele ainda esteja operando!!!

    • Admiro muito essa lucidez! 😉
      Deus tem levantando mais e mais pessoas que rejeitam as crendices religiosas com total autoridade e credibilidade.
      A Deus, e somente a Deus, toda honra e toda glória!
      Amém.

      • Márcio José Sérgio Ermida disse:

        Deus abençoe, ir. Regina Farias.

        Na minha simplicidade para escrever, é bom saber que consigo passar minhas idéias. Agradeço o elogio e o convite no face, Deua abençoe. Fico feliz por poder compartilhar idéias com irmãos da CCB e de outras denominações, sem o ranço do exclusivismo.

        Paz de Deus, paz do Senhor, Graça e paz, e por aí vai… (li sua resposta ao Douglas P. da Silva, e sempre pensei naquelas diversas saudações…).

  2. Acredito que realmente algumas igrejas estejam com interesse financeiro, porém quantos irmãos estão sendo expulsos injustamente? Quantas igrejas estão sendo fechadas arbitrariamente, sem o direito de se defender?
    São perguntas que não conseguiremos responder, até porque não convivemos com as realidades enfrentadas pelos mesmos.
    Oremos para que Deus tenha misericórdia dos nossos irmãos Angolanos.
    Não devemos louvar essa atitude arbitraria tomada pelo governo Angolano. Devemos lutar a favor da liberdade de expressão.

    Mais uma coisa é certa, se no Brasil houvesse políticos que não visassem apenas interesses próprios, com certeza teríamos uma penca de instituições, (não apenas religiosas), fechadas e extintas.

  3. As razões que motivaram o fechamento de algumas igrejas não são puramente de ordem administrativa, segundo a matéria da FSP.

    O Porta-Voz de lá, diga-se que pertence ao movimento que há quase 40 anos governa Angola, esse movimento na luta pela independência de Angola em 1975 fora apoiado pela União Soviética e Cuba.

    Bom frisar que Estados Unidos e África do Sul não reconhecem esse governo de Angola, pelo modo que chegaram ao poder (golpe).

    A situação de miséria no país teve início com eles.

    * Meus Parabéns:

    Algumas igrejas procuram não tumultuarem as coisas quando de sua chegada à qualquer localidade, como é o caso da CCB, vejo na Índia eles procuram estabelecer-se sem qualquer ofensa à legislação local, isso é civilidade, a quem tributo, tributo.

    * Descendo a Mamona:

    Sei pela mídia o que ocorreu por lá, agora refletimos sobre seguinte:

    Se passam por cima da Igreja Mundial, passam por cima de qualquer outra (Tá, nós temos a Deus e eles não têm, vai ver se eu tô na esquina).

    História:

    O Líder da maior igreja da Alemanha falou, quando Hitler começou a perseguir os grupos sociais menores, que não era com ele, não tinha nada com isso, até que Hitler chegou até sua igreja, daí ele disse: Agora estou sozinho !

    Vejo a CCB com uma doutrina bem separatista em tudo, tem um Pastor atualmente lutando pela defesa da família, só ouço comentários de evangélicos o denegrindo, principalmente do nosso meio já que frequento a CCB (por enquanto), não temos nada com isso, se juntando aos ímpios para açoitar o cidadão, sequer podemos orar por ele ou sua causa que é nobre e cidadã, aprenda com Ap. Paulo o que é lutar e reivindicar cidadania quando ele estava preso (At. 16:35), Paulo não fala só de véu e ósculo santo.

    Vi uma Líder evangélica brasileira ser presa nos EUA e evangélico batendo palma, sequer sabem o motivo da prisão, ah é aquela ? Bem feito, não vou com a cara dela.Fora presa por causa de 10 mil dólares não declarados, uma brasileira presa nos EUA, nem ao menos uma oração em nossas igrejas.

    Ao contrário dos 12 jovens Corinthianos na Bolívia (tenho ouvido comentários de irmãos revoltados com a situação), diga-se aparentemente tb uma prisão injusta, mas temos pesos diferentes? Moisés dizia para o povo não carregar pesos de tamanhos diferentes.

    Quando Edir Macedo foi preso, aff, ouvi cada deboche de nosso povo.

    A Bíblia:

    O recado de Mardoqueu para Ester:

    Então Mardoqueu mandou que respondessem a Ester: Não imagines no teu íntimo que por estares na casa do rei, escaparás só tu entre todos os judeus.

    Porque, se de todo te calares neste tempo, socorro e livramento de outra parte sairá para os judeus, mas tu e a casa de teu pai perecereis; e quem sabe se para tal tempo como este chegaste a este reino? Ester 4:13-14

    ** Pelo comentário do porta-voz angolano o problema não é administrativo é a influência dos líderes dessas igrejas que ameaça o governo.Se é uma questão administrativa, acho pouco provável, então que se regularize a situação destas igrejas e reabram seus templos.

    Jesus:

    Quem não é contra nós é por nós.

    Vamos orar pelas igrejas que foram fechadas e pela nossa CC em Angola, pois o Evangelho precisa ser pregado, independentemente da simplicidade do povo.

    Endosso as palavras do irmão Márcio acima, pois não podemos se aproveitar de uma situação que se mostra, ao menos superficialmente, injusta aos nossos irmãos que tiveram os templos fechados.

    A Paz.

    Claudio (ovelha, CCB m Brás, por enquanto)

    • Márcio José Sérgio Ermida disse:

      Irmão Cláudio,

      Excelente a sua colocação. Confesso que não vejo com bons olhos a Teologia da Prosperidade da maneira agressiva como é pregada em alguns lugares, e até já tive algum preconceito. Mesmo assim, para conhecer melhor antes de julgar, adquiri a “Bíblia de Estudo Batalha Espiritual e Vitória Financeira” do Mike Murdock.

      O problema é que quem desce o chicote em irmãos nossos que fazem o que os que falam mal não fazem, está fazendo isso contra a Igreja de Cristo, não contra o homem que adquire bens materiais e anda de jatinho (artista e jogador de futebol pode, pastor não, tem que ir a pé ou de jegue, hehe).

      Os benditos exclusivistas de plantão, que não sabem nem do que falam (desculpe-me a sinceridade), aproveitam essas situações para confirmar as virtudes de uma CCB sem vicissitudes. E são tão alienados que não percebem a perseguição perpetrada pelo inimigo contra o crstianismo, sim, contra o cristianismo. Não contra igrejas infiéis e apóstatas que vão para o inferno porque não possuem uma “doutrina” igualzinha ou semelhante à nossa. Dizem que a maior realização do pai da mentira é fazer com que o homem não creia na sua existência. No rastro dessa, tem a de que ” se tá na prova é porque pecou” ou “essas igrejas não servem a Deus, por isso fecham”.

      Que Deus nos abençoe, e nos perdoe por manifestar preconceitos exclusivistas sem saber o que fazemos!!!

  4. O método de evangelizar, utilizado a famigerada Teologia da Prosperidade realmente é pernicioso ao Evangelho e à vida da Igreja, no entanto, hoje são os ‘prósperos’ amanhã serão os pentecostais, depois os tradicionais, depois se declararão muçulmanos e proibiram qualquer manifestação de fiéis em Jesus.

    Pragmático? não. Apenas constatando os fatos, os cristãos devem lutar por liberdade sempre.

    Com que parâmetro o Estado Angolano classificou as igrejas?

    Repito: começaram pelos ‘financeiros’ terminarão nos espirituais.

    • Márcio José Sérgio Ermida disse:

      Irmão,

      É o que sempre afirmo quando os próprios cristãos ficam se medindo e digladiando encima de “pontos de doutrina” que nem salvíficos são, para se excluir da salvação. Não sei quem é o autor da frase “dividir para governar”, mas é justamente o que o inimigo consegue quando cauteriza o exclusivismo denominacional na mente de quem sequer sabe porque o adota.

      Mas que tem certeza absoluta de que só a CCB possui a sã doutrina, ah! isso tem…

      Deus nos abençoe e livre da falta de companheirismo cristão.

  5. Neuto Sergio Ermida disse:

    A Paz de Deus !

    Caros Irmãos,
    Tudo indica que a exclusão destas Igrejas na Angola tenha cunho político, mas acontece que tem tanto “171” que se dizem cristão e não são, e realmente enriquecem as custas de um povo carente. Não tinham nada e hoje são milionários (incluse dono de tv, etc…) construiram grandes patrimonios com dinheiro dos membros(não estou excluindo ccb pois tenho conhecimento atraves da ccb verdade e outras fontes da prostituição no Braz).Infelizmente estão fazendo do Evangelio um empreendimento, inclusive isto não é novidade pois Paulo iluminado por Deus escreveu que MUITOS PREGARIAM POR GANANCIA.Mas se Deus quiser abençoar e enriquecer materialmente ele abençoa e não dá satisfação a ninguem.Jesus Cristo quando foi crucificado não cobrou nada pelo contrario deu sua propria vida, era simples e andava com os pobres (não estou falando contra riqueza), podia se quisesse se misturar com os governantes, o clero a nobreza, etc.Não há nada demais um Pastor ou qualquer lider religioso ser rico e abençoado materialmente desde que não seja manipulando através do evangélio a carencia do povo, mas trabalhando como qualquer outro cidadão.Quanto a artista e jogador de futebol é uma profissão como outra qualquer e estão na CLT. Agora faço um manifesto para que seja votado no CONGRESSO OS SEGUINTES PROJETOS: CURA CORRUPTOS, CURA HOMOFÓBICOS(INCLUSIVE OS INCUBADOS OU HIPÓCRITAS), CURA PRECONCEITUOSOS, ETC… Quantos aos explorados pela”fé”, devemos como cristãos orar uns pelos outros e Deus conhece e sabe cuidar de cada um.Que Deus abençõe a todos que leram e que haja amor, sinceridade e união no meio do povo de DEUS E AME O SEU PROXIMO COMO A SI MESMO.

    • Márcio J. S. Ermida disse:

      Paz de Deus, Neuto! Seja bem vindo.

      Aqui suas opiniões serão sempre respeitadas, mesmo que discordemos delas. Um fórum ou debate é assim mesmo.

      Não sei quem vi falando isso, mas se não estão pregando heresias da Bíblia, não convém os cristãos atacarem-se entre si. Um dia precisaremos dessa união. O que Satanás quer é isso, fomentar a discórdia no meio cristão, a fim de que a Igreja pereça. Claro que não vai conseguir! Mas temos que ser prudentes quando formos criticar os ministérios de outros.

      Achei legal sua colocação sobre Deus não maldiçoar os ricos, mas também não se agradar da exploração. Os gananciosos se verão com o Senhor, e cabe a nós alertarmos os irmãos. Mas precisamos ser mais coesos como cristãos.

      Deus abençoe.

  6. As igrejas evangélicas que foram fechadas, só pregam a busca pelos bens materiais. ” Se você está desempregado, tem uma empresa e não está dando lucro, está doente, tem depressão, venham, colaborem com o dízimo e Jesus vai te curar”. Sempre esse mesmo discurso. E fazem propagandas dando a entender que todo angolano é pobre e necessitado.A igreja abre uma conta no Banco e prega mais e mais. Como se tudo se resumisse a isso. A busca pelos bens materiais. Apesar disso tudo, discordo com a posição do governo angolano. Pois o dízimo faz parte da doutrina dessas igrejas. Assim como a macumba faz parte da umbanda e a turca faz parte do islamismo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: