É ler para crer!

oração

Assim falou o mestre:examinai as escrituras, porque cuidais ter nelas a vida eterna, e são elas que testificam de mim” (Jo 5:39). Tem você lido regularmente a sua Bíblia? Ou Ela é apenas um acessório para ir ao culto? Se você deseja ser bem-aventurado, comece a ler o ‘livro dos livros’ com mais empenho e amorosa dedicação.

“Conhecendo melhor o livro de Deus, conheceremos melhor o Deus do livro”.

Por que estudar a Bíblia? É na Bíblia que achamos os conselhos do Senhor, e por eles alcançamos fé em Deus o Criador (hino 162 CCB). Não precisamos adicionar nenhuma palavra a mais a esta resposta. Nas Sagradas Escrituras está revelada toda vontade de Deus para o homem; em suas páginas encontramos a doutrina (conjunto de princípios e ensinamentos) que orienta nosso relacionamento com o Senhor, com a Igreja e com nossos semelhantes.

Doutrina bíblica pode ser entendida como o ensino da palavra de Deus, que deve ser persistente, sistemático e ordenado, cujo, principal objetivo é aprofundar o nosso conhecimento do Criador (Os 6:3), inteirando-nos de todo o conselho de Deus (At 20:27). Sem conhecimento ficamos suscetíveis ao erro (Os 4:6 – Mt 22:29). Se não conhecermos experimental e redentivamente, como haveremos de nos colocar a seu serviço?(I Sm 3:7 – Is 6:8)

O que é a Bíblia? Ao passo que lemos a Bíblia, somos constrangidos a concordar que é de fato a Palavra de Deus. Qual outro livro pode fazer semelhante reivindicação? Os atributos que a qualificam, como Palavra de Deus são:

sua inspiração – (II Tm 3:16 – II Pe 1:21);

sua inerrância – (Sl 119:7, 140);

sua infabilidade – (Dt 2:2 – I Sm 3:19 – Mc 13:31 – At 1:3);

sua completude – (Pv 30:6 – Ap 22:18,19);

sua soberania [supremacia, autoridade] – (Is 8:20; 30:21 – I Co 14:37).

Poder de Deus. Quem lê a Bíblia experimenta do poder de Deus (Rm 1:16,17) que é sempre incessante. Diz o hino 251 – “É a Palavra poderosa que faz crer na salvação; que anima, edifica e restaura o coração”. São muitos os testemunhos de conversão pela simples leitura da Bíblia. A leitura bíblica também produz avivamento, que pode ser definido como o retorno aos princípios que caracterizavam a Igreja primitiva (II Tm 3:17).

Resumindo: a Palavra vivifica o pecador e aviva o crente.

Como estudar? Devemos ter sede (Sl 42:1,2) e fome (Ez 3:3) da Palavra de Deus, ser dedicados ao seu estudo (I Tm 4:13), amá-la (Sl 119:97), guardá-la no coração (Sl 119:11) e compartilhar dela (Dt 6:6-9). Sempre lembrando que “a qualificação mais importante para o estudante da Bíblia não é a erudição, mas a rendição; não é a perícia, mas a disposição” (Martin Anstey).

Conclusão. A leitura devocional da Bíblia é uma disciplina cristã que propende à maturidade espiritual do crente (Ef 4:14-16 – I Pe 2:2). Como cristãos não podemos jamais nos afastar das Sagradas Letras; devemos, sim, dedicarmos a Elas. Maduros na fé estaremos aptos a cumprir a ordem de Jesus a sua Igreja (Mc 16:15).

Reflexão: “Pois tudo o que outrora foi escrito, para nosso ensino foi escrito, para que pela paciência e consolação das Escrituras tenhamos esperança”(Rm 15:4).

E então, você é contrário ou a favorável ao estudo bíblico?


Anúncios

Comentários em: "A leitura devocional da Bíblia" (1)

  1. […] A Leitura Devocional da Bíblia […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: